A disputa começou! Pré-candidata à prefeita de Salvador, Alice Portugal debate com internautas em grupo de WhatsApp

A deputada federal Alice Portugal sabe que a campanha eleitoral rumo a prefeitura de Salvador não vai ser fácil e já começa a colocar em prática a sua estratégia de marketing. Nos grupos de WhatsApp, a pré-candidata está cada vez mais ativa.

Nesta segunda (20), por exemplo, ela surpreendeu os integrantes do grupo Política da Bahia e participou de um rápido debate após ser questionada sobre a recente denúncia de corrupção envolvendo membros do seu partido, o PCdoB. “Desconheço propina. As doações foram legais e declaradas. Os dois citados já responderam pela imprensa. Bola de cristal talvez fosse o equipamento necessário para quem recebeu doação legal e declarou. E falo isto para candidatos de vários partidos, que estão citados absurdamente por réus em busca de perdão!!! Cuidado com visões precipitadas”, alertou.

Não satisfeito com a resposta, um internauta rebateu. “Deputada, fiz uma indagação, mediante denuncias feitas por quem de direito, sua resposta é a mesma de todos, é lógico que ninguém vai receber caixa 2, e confirmar! Todos, digo, todos, dizem receberem por vias legais. O problema é as delações seletivas, vocês da esquerda fomentam o que lhe são convenientes, e demonizam as que lhes atingem. Querem inserir no impeachment a de Sérgio Machado, e não querem a de Cerveró. A senhora pode comentar?”, escreveu Antônio Carlos.

Outra indagação foi o lançamento de sua candidatura a prefeitura de Salvador. Um “zapeiro” insinuou que membros do Partido dos Trabalhadores não participaram do evento: “O PT não apareceu?”, questionou. “Apareceu e bem. Marta Rodrigues, presidente municipal, Vânia Galvão, Marcelino Galo, Penildon Silva, Madalena do CMM, Antônio Garcia e muitos militantes. Acredito que os jornais impressos tenham saído antes da chegada deles”, respondeu a parlamentar.

Últimas Noticias