Quadrilha que lucrou mais de R$1 milhão com combustíveis roubados é desarticulada na RMS

A Delegacia de Furtos e Roubos em Rodovias (Decarga) recuperou, na tarde de quinta-feira (6), 20 mil litros de combustíveis roubados em Salvador e armazenados, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Três pessoas foram presas em flagrante acusadas pelos crimes de roubo e associação criminosa.

Durante seis meses, eles vinham sendo investigados. Paulo Maia Santos, 37 anos, Crislan Conceição Santos, 27, e Jeane de Jesus Santos, 32, são acusados de roubar gasolina, diesel e álcool, na BR-324. De acordo com a polícia, os materiais eram armazanados em um galpão, na Rua do Asfalto, município de Candeias.

Os três vendiam o combustível por R$ 3,00 a receptadores de Salvador e RMS. O galpão funcionava de fachada como um lava jato. Ainda de acordo com a polícia, quatro integrantes da mesma quadrilha estão foragidos e continuam sendo procurados. No período da investigação o grupo movimentou mais de R$ 1 milhão com a venda ilegal.

“Mais um trabalho com inteligência e precisão. Estamos caminhando para um 2018 de muito trabalho, grandes prisões e reduções dos principais índices”, exaltou o diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin), delegado Flávio Góis.

Relacionados