Embalado, Vasco recebe Palmeiras para selar permanência na elite

Empolgado pela vitória por 2 a 0 contra o São Paulo na última quinta-feira, o Vasco vai jogar de novo em São Januário, no Rio de Janeiro, às 17 horas deste domingo, desta vez contra o Palmeiras, em mais um duelo decisivo na briga contra o descenso. A equipe vascaína precisa de uma vitória em duas rodadas para se livrar do rebaixamento.

Após 36 partidas, o Vasco tem 42 pontos, quatro a mais do que o Sport, que está na 17ª colocação e tem a melhor campanha entre os times que estão na zona de rebaixamento. Quase garantida na elite do Brasileirão, a equipe treinada por Alberto Valentim está em 14º lugar e precisa ganhar apenas uma posição para disputar a Copa Sul-Americana de 2019.

Se o confronto contra o São Paulo, quinto colocado no Brasileirão, já era considerado difícil, a pedreira contra o Palmeiras é ainda maior. O time paulista depende de apenas uma vitória em duas rodadas para garantir o título do Brasileirão.

“O Palmeiras tem um grupo muito bom”, afirmou Andrey nesta sexta-feira. “É uma equipe que investiu muito na formação do elenco e possui a melhor equipe do Brasil. Temos de ter cuidado com todos os jogadores, mas é claro que alguns se destacam mais, casos do Dudu, do Willian e do Deyverson”, comentou o volante.

Destaque contra o São Paulo, Fernando Miguel pode ganhar a vaga de Martín Silva no gol vascaíno. O uruguaio falhou feio na derrota para o Grêmio, há duas semanas, e foi desfalque nas partidas seguintes porque estava servindo a seleção do país dele. Com exceção do lateral-esquerdo Ramon, que operou o joelho e por isso está fora da temporada, Valentim poderá escalar o que tem de melhor.

Relacionados