Projeto que altera gratificação de trabalhadores em Educação é aprovado

Apesar da grande pressão da diretoria da APLB-Sindicato foi aprovado na manhã desta segunda-feira (17) o Projeto de Lei 22985/2018 que altera a gratificação de estímulo ao aperfeiçoamento profissional.

O coordenador-geral da entidade Rui Oliveira lamenta o posicionamento do Governo do Estado e de alguns deputados que votaram a favor do projeto. “Nós tentamos conversar com os deputados e pressionamos para que o projeto fosse retirado da pauta ou discutido conosco antes, mas não compactuamos com nenhuma emenda ao projeto. Não houve nenhum tipo de acordo com a APLB-Sindicato. Nós não conseguimos acompanhar a votação. Fomos impedidos pela polícia de entrar! Devemos convocar a categoria para uma assembleia geral no início de fevereiro e é possível que o ano letivo inicie sem aulas. Somos educadores e exigimos respeito “, afirma Rui Oliveira.

Relacionados