Bolsonaristas acusam membros da Esquerda de agressão e deixam o 2 de Julho com escolta da PM

Bolsonaristas, que fazem parte do grupo Direita Independente da Bahia (DIB), estiveram presentes no Desfile do 2 de Julho na manhã de hoje e acusam membros de partidos de Esquerda de agressão. A confusão teria sido iniciada em frente ao Colégio Nossa Senhora da Soledade, na Lapinha e os apoiadores do presidente da República precisaram deixar o evento escoltados por uma guarnição do Batalhão de Choque da Polícia Militar.

Em conversa com o Informe Baiano, a advogada Rebeca Martins disse que foi derrubada e depois agredida com chutes “apenas porque estávamos com a bandeira do Brasil e faixa de apoio ao governo Bolsonaro”. Outro integrante do grupo, Felipe Couto, levou uma paulada na cabeça.

“Estamos tentando identificar o nome completo e endereço dos agressores pra realizar boletim de ocorrência”, concluiu Rebeca. Vídeos enviados ao Informe Baiano mostram o momento em que a confusão é iniciada, além de uma discussão entre os rivais. Assista abaixo!

Ultimas Noticias

Michelle Bolsonaro entrega prêmio dedicado à primeira infância

A primeira-dama Michelle Bolsonaro entregou prêmio especial dedicado à primeira infância na 10ª edição do Prêmio FBB de Tecnologias Sociais, promovido pela Fundação Banco...

Saldo líquido de emprego formal foi positivo em setembro

O mercado de trabalho brasileiro criou 157.213 empregos com carteira assinada em setembro de acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados...

Três motivos para começar a usar óleo de abacate na pele

Hidratar a pele com óleos é uma prática milenar que está novamente na moda e os naturais são sempre a melhor opção. Seguindo a...

Mulher acusada de mandar matar o marido em Bom Jesus da...

Investigações realizadas por policiais da Delegacia Territorial (DT) de Bom Jesus da Lapa, no oeste baiano, resultaram na prisão de Adriana Nunes Cardoso Vieira,...
Publicidade