Bahia vence o Globo e passa para 2ª fase da Copa do Brasil

O Tricolor de Aço cumpriu muito bem o dever de casa, venceu o Globo-RN por 3 a 1 e garantiu a classificação para segunda fase da Copa do Brasil, na noite desta quarta-feira (6), na Arena Fonte Nova.

- publicidade -

O adversário da próxima fase será o América Mineiro ou Red Bull Brasil, de São Paulo, que ainda vão se encontrar nos dias 20 e 26 de abril.

Com decisão atrás de decisão, e sem muito tempo para descansar, o elenco do Bahia volta a jogar na noite deste sábado (9), às 18h30, pela semifinal do Campeonato Baiano. A partida será contra o Fluminense de Feira, em Pituaçu.

Jogo
O Bahia precisou apenas de um minuto para sair na frente. Após cobrança de falta, Éder aproveitou o cruzamento de Rômulo e cabeceou para o fundo da rede: Bahia 1×0. Aos 15, de fora da área, o atacante Luisinho soltou o pé de longe e colocou o goleiro do Globo-RN para trabalhar.

Aos 25, de muito longe, o volante Rivaldo surpreendeu o goleiro Marcelo Lomba e marcou um golaço na Fonte Nova, deixando tudo igual. O 1 a 1 não durou dois minutos. Aos 26, Zé Roberto recebeu cruzamento de João Paulo e cabeceou para desempatar o placar. Aos 30, quase do meio de campo, o meia Rômulo também tentou o dele e quase fez um lindo gol. No entanto, o camisa 1 adversário impediu.

Antes do intervalo, de cabeça, o zagueiro Robson também teve a chance dele e desperdiçou.

Segunda etapa
A vantagem de estar vencendo por 2 a 1 não acomodou o time do Bahia. Em duas oportunidades, com Hayner e Rômulo, o Esquadrão de Aço levou perigo ao gol do goleiro do Globo-RN.

Aos 9, em um bonito chute de fora, o lateral esquerdo João Paulo encheu o pé e obrigou uma bela intervenção do arqueiro Rafael. Pouco depois, aos 14, João Paulo novamente apareceu no ataque e cruzou para Zé Roberto. O atacante bateu de primeira e mandou por cima. O Tricolor seguiu superior. Aos 16, Hayner iniciou um rápido contra-ataque e tocou para Luisinho. O atacante percebeu a movimentação de Rômulo e lançou o companheiro que, dentro da área, chutou para fora.

Aos 22 minutos, por exemplo, o Bahia teve duas chances de ampliar o placar em um só lance. Zé Roberto finalizou e o goleiro Rafael espalmou. No rebote, o lateral esquerdo João Paulo cabeceou e camisa 1, mesmo caído, defendeu.

De tanto insistir, aos 32 minutos, o gol do Esquadrão saiu. Juninho, que havia acabado de entrar, fez jogada individual pela esquerda e rolou para Edigar Junio, dentro da área. O atacante bateu no cantinho e marcou o terceiro: Bahia 3×1.


Fonte: Esporte Clube Bahia

Reviravolta na briga de Neymar com zagueiro: racismo ou homofobia?

Uma reviravolta na confusão entre Neymar e o espanhol Álvaro Gonzáles pode manchar ainda mais a imagem do jogador brasileiro. Nenhum meio de comunicação europeu conseguiu localizar...

Corinthians derrota Bahia por 3 a 2

Depois de três partidas consecutivas sem vencer, o Corinthians derrotou o Bahia por 3 a 2, nesta quarta-feira (16), na Neo Química Arena, em partida válida pela...