Em clipe gospel, cantora Cassiane romantiza violência contra mulher e causa revolta; assista

A cantora gospel Cassiane lançou o clipe oficial de sua música ”A Voz”, na última sexta-feira (17/07). No polêmico registro audiovisual, a artista romantiza ”romantiza” a violência contra a mulher, o que causou indignação nas redes e sociais.

Cassiane foi acusada de mostrar a violência como se fosse algo natural e usou o perdão de Deus como justificativa para uma ”nova vida”. O registro sugere ainda que não é necessária uma denúncia formal à polícia.

O clipe mostra a história de uma mulher que sofre agressões do marido, que seria alcoólatra. Nas cenas, o homem deixa de pagar a conta de luz para comprar cachaça e furta dinheiro da carteira da mulher.

Depois de diversas demonstrações de agressividade, a mulher, que é religiosa, prefere sair de casa e deixa um bilhete dentro de uma Bíblia para o marido, onde diz que o perdoava. No final, os dois se reencontram na rua e o clipe mostra que o homem se ”regenerou”. Assista abaixo:

Últimas Noticias