SPMJ cria novo canal para denúncias de violência contra a mulher

Para auxiliar e reforçar a importância na luta contra a violência, a Secretaria de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ) criou um novo canal de denúncias de violações de direitos humanos. Agora, além de registrar as denúncias gratuitamente, através do telefone 180, o denunciante também pode realizar o procedimento pelo aplicativo Telegram.

Para utilizar o canal, o cidadão deve digitar “Direitoshumanosbrasilbot” na busca do aplicativo. Em seguida, receberá uma mensagem automática, onde será atendido por uma pessoa da equipe da central única dos serviços. Após fazer o registro, a denúncia recebida será analisada e encaminhada para os órgãos de proteção, defesa e responsabilização em direitos humanos.

“É sempre importante termos cada vez mais meios e formas de realizar a denúncia. Isso facilita o processo e dá maiores condições para que possamos ser agentes que atuam para proteger os direitos das mulheres, crianças e adolescentes, fazendo a denúncia a qualquer hora e momento, de forma segura e anônima”, destaca a titular da SPMJ, Rogéria Santos.

Com o isolamento social, por conta da pandemia do coronavírus, o aumento de casos e denúncias tem acelerado. De acordo com o Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos (MMFDH), a Central 180 registrou, entre o mês de março e junho, mais de 120 mil denúncias em todo país.

Todas as denúncias via aplicativo e telefone são gratuitas, anônimas e recebem um número de protocolo, para que o denunciante possa acompanhar o andamento. O serviço funciona diariamente, durante 24h, incluindo sábados, domingos e feriados. Além disso, também é possível fazer denúncias através da Defensoria Pública, Ministério Público e nas Delegacias da Mulher.

Prefeitura prossegue com contratação imediata para médicos do Samu

A Prefeitura, através da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), segue com o credenciamento imediato de médicos em regime pessoa jurídica (PJ), através de chamamento público, para atuação...

Caso Lázaro: serial killer de Brasília teria invadido chácara e furtado alimentos

O serial killer de Brasília Lázaro Barbosa continua provocando pânico e sendo caçado pela polícia. Na madrugada desta terça-feira (22/06), ele teria invadido uma chácara, em Águas...

Anvisa nega autorização de uso emergencial do Avifavir para covid-19

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) negou hoje (22) o pedido de autorização temporária para uso emergencial do medicamento Avifavir (Favipiravir) no tratamento antiviral de pacientes...

Uma sobremesa rápida de fazer: Mousse de iogurte e leite condensado

Sim, leu bem. Só precisa de 10 minutos para preparar esta deliciosa mousse de iogurte e leite condensado. Ingredientes 2 folhas de gelatina 1/2 lata leite condensado 2 iogurtes de...