Policial civil agredido em frente a Igreja Universal do Iguatemi

O investigador conhecido como Arnoldo, lotado no Grupo de Repressão a Furtos e Roubos a Coletivos (GERRC) foi agredido com uma pedrada no início da noite desta quinta-feira, em frente a Igreja Universal, no Iguatemi. Inicialmente circulou a informação que tratava-se de troca de tiros, mas não procede.

O policial civil, que tem larga experiência no combate ao crime e é chefe do Serviço de Inteligência, foi atacado pelo marginal, que foi preso e encaminhado para a Central de Flagrantes. Arnoldo foi socorrido para o Hospital da Bahia e não há informações sobre o seu estado de saúde. Militares e civis estão em busca dos criminosos.

Gêmeos prende dois assaltantes de ônibus e recupera 11 celulares

Dois assaltantes de ônibus foram capturados, logo após o crime, na tarde deste sábado (12), por equipes da Operação Gêmeos da Polícia Militar. Onze celulares das vítimas...

Vigilância Sanitária aplica multa de R$ 10 mil em festa clandestina em Caetité

Na madrugada deste sábado (12), agentes fiscalizadores da Vigilância Sanitária de Caetité (VISA) receberam a denúncia de que uma festa de aniversário acontecia na comunidade de Cachoeirinha,...

Bahia fecha com a União primeiro acordo com apoio do Centro de Mediação e Conciliação do STF

O Estado da Bahia firmou com a União o primeiro acordo com apoio do Centro de Mediação e Conciliação (CMC) do Supremo Tribunal Federal (STF). O compromisso...

Olimpíada: Fernando Reis e Jaqueline Ferreira se classificam

Nesta sexta-feira (11), a Federação Internacional de Levantamento de Pesos (IWF) divulgou a lista inicial de atletas classificados os Jogos Olímpicos de Tóquio. Dois brasileiros já estão...