Morte no carnaval: assassino de catador de latinhas é preso

Investigadores do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) prenderam, na noite deste sábado (6), no bairro da Saramandaia, em Salvador, Daniel Santos da Paixão, 28 anos, autor confesso da morte do catador de latas Evilásio dos Santos, o ‘Cara de Cachorro’, 35 anos.

Em depoimento na unidade policial, o acusado disse que tinha um desentendimento antigo com Cara de Cachorro, motivada pela disputa de pontos de venda de drogas, na Saramandaia. Ele disse também que, na noite de sexta (5), trabalhou como cordeiro de um trio elétrico e, quando encerrou o serviço, viu o desafeto.

Daniel confessou que, ao ver a vítima, partiu na direção dele, dando murros até derrubar, atingindo-o em seguida com uma faca que furtou no balcão de um bar nas imediações. Uma camisa e uma bermuda manchadas de sangue, além de uma faca foram apreendidas na casa onde Daniel foi capturado.

O delegado-geral da Polícia Civil, Bernardino Brito, elogiou a eficiência e rapidez dos profissionais envolvidos na captura do acusado. “Conseguimos um resultado positivo e é importante ressaltar a preocupação do nosso governador Rui Costa e do secretário Maurício Barbosa com a segurança dos baianos e turistas que aproveitam o nosso carnaval. Destaco também a dedicação e empenho dos nossos policiais, que realizam nos circuitos diversas ações para garantir a paz na festa”, concluiu.