Salvador ganha novo cartão do Aluguel Social e Creas em Itacaranha

Duas importantes ações na área social em Salvador foram realizadas pela Prefeitura nesta quarta-feira (1°): o lançamento do novo cartão para o Aluguel Social e programa Salvador Primeiro Passo e a inauguração do Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas) em Itacaranha, no Subúrbio Ferroviário. As entregas foram feitas pelo prefeito ACM Neto, acompanhado do ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra; do ex-secretário e da atual titular da Secretaria Municipal de Promoção Social, Esporte e Combate à Pobreza (Semps), Bruno Reis e Ana Paula Matos, respectivamente; demais autoridades e população.

A entrega simbólica dos cartões foi feita no Centro Unificado de Inclusão, Desenvolvimento, Assistência e Referência Social (Cuidar), no Comércio. Um dos beneficiados, o morador do Bom Juá Temístocles Silva, de 40 anos, que teve a casa danificada pelas chuvas que caíram na cidade no ano passado, ressaltou a felicidade e a praticidade da iniciativa. “É bom porque agora terei data fixa para retirar o benefício, além de poder sacar o dinheiro em qualquer casa lotérica ou máquina de autoatendimento da Caixa”, salientou. Atualmente, ele mora em uma casa de aluguel no mesmo bairro, com a esposa e dois filhos.

“Esta ação vai facilitar a vida das pessoas mais pobres da cidade, pois vão poder receber os benefícios concedidos pela Prefeitura em um só cartão, sem precisar pegar filas ou ficar sem saber a data do benefício. É um grande avanço que vai mudar essa realidade de assistência às pessoas mais pobres. Além disso, conseguimos reestruturar toda a rede de Cras (Centros de Referência e Assistência Social) e Creas de Salvador, que estava completamente comprometida na parte física e de pessoal. Isso mostra que Salvador possui efetivamente hoje uma rede de assistência social organizada”, relatou ACM Neto.

O prefeito aproveitou para lembrar o avanço na área social com os outros programas desenvolvidos pelo município desde 2013, como o Morar Melhor, Casa Legal e Auxílio-Emergência, além do Salvador Primeiro Passo, que concede ajuda financeira às famílias para manter os filhos em creches e possibilita a construção de pré-escolas na cidade. Ele ainda agradeceu ao ex-secretário Bruno Reis, que retoma o mandato de deputado estadual, pela dedicação à frente da Semps, salientando que a nova equipe, agora comandada pela ex-subsecretária Ana Paula Matos, tem como desafio melhorar ainda mais as ações da pasta.

O ministro Osmar Terra fez questão de destacar a satisfação em conhecer na capital baiana uma das melhores e mais modernas políticas sociais desenvolvidas no Brasil. “Vamos caminhar juntos com Salvador, que pode se tornar modelo no país em assistência social”. Além disso, ele aproveitou para anunciar o incremento de recursos no Bolsa Família para as famílias que possuam criança com microcefalia, provocado pelos altos índices de transmissão de zika através do mosquito Aedes aegypti no país.

Ações – Com o cartão Aluguel Social e Salvador Primeiro Passo, os 3.800 beneficiários poderão sacar pagamento dos auxílios seguindo o mesmo calendário de pagamento do programa Bolsa Família. O Aluguel Social é o auxílio moradia, benefício já oferecido pela Prefeitura, no valor de R$300 mensais, para quem perdeu o imóvel em casos de calamidade e/ou emergência e pessoas em situação de rua e/ou extrema vulnerabilidade e risco social. Através do Salvador Primeiro Passo, o município oferece ao beneficiário ativo do Bolsa Família um auxílio financeiro no valor de R$ 50 para cada criança de até 5 anos que não tenha conseguido vaga em creches ou pré-escolas públicas ou conveniadas.

Já em Itacaranha, o novo Creas que começa a funcionar na Rua Rio do Meio, 203, tem capacidade para atender 80 famílias e/ou indivíduos mensalmente, com uma equipe multidisciplinar formada por 14 profissionais, sendo eles assistentes sociais, psicólogos, pedagogos, educadores sociais, técnico e apoio administrativos, além de técnicos de referência para medidas socioeducativas. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 8h às 17h, e é voltado para famílias e indivíduos em situação de exploração de direitos como abuso e exploração sexual, violência física e psicológica e trabalho infantil, dentre outras situações. Este é o sexto Creas entregue pela Prefeitura, sendo que os demais funcionam na Liberdade, Fazenda Coutos, Sete Portas, São Gonçalo e Bonocô.

Últimas Noticias