Trabalhadores da Construtora Sertenge feitos reféns em obra em Jardim das Margaridas

Integrantes da facção criminosa Comando da Paz fizeram funcionários da Construtora Sertenge, que trabalham em uma obra no Jardim das Margaridas reféns na manhã desta segunda (6), por volta de 5 horas. Todos foram assaltados. Os trabalhadores ainda foram ameaçados e colocados no refeitório da empresa. Foram 15 homens armados e até um deficiente foi agredido com coronhadas na cabeça. Com a chegada de outros trabalhadores, os marginais dispararam tiros nas pessoas e por sorte, ninguém foi atingido. Os marginais já liberaram os trabalhadores e policiais da 49ª Companhia Independente estão no local.

De acordo com Patrícia Araújo, que é editora-chefe do Jornal Bromélias Paty, em contato com o Informe Baiano, neste momento as vítimas estão no refeitório da empresa. “Foi um terror, meu Deus, porque isso? São trabalhadores. Nada justifica. O bairro está em pânico devido a quantidade de assaltos aqui. Inclusive, tem um motoqueiro em uma ciquentinha que de dois em dois dias ele vem assaltar o pessoal. E anda de pistola”, disse.

Últimas Noticias