Na posse dos amigos do Governo, Geraldo nega que é mais prestigiado por Rui do que por ACM Neto

Sorridente, tranquilo e rodeado, principalmente, por membros do PP (Partido Progressista). Foi assim a tarde desta quinta-feira (07/02) do presidente da Câmara Municipal de Salvador (CMS), vereador Geraldo Júnior, que participou da posse dos novos e antigos secretários do governo baiano.

Aliado do DEM, o edil nega que esteja migrando para a base do PT. O problema é que, conforme comenta-se nos bastidores, ele é “muito mais prestigiado pelo governador Rui Costa do que pelo prefeito ACM Neto”.

“Essa ideia que sou mais prestigiado pelo governador do que pelo prefeito deve ser rechaçada. O prefeito ACM Neto é meu amigo, meu parceiro, meu aliado, faço parte do seu governo e ninguém vai estragar essa relação”, pontuou Geraldo.

Sobre o convite para integrar o PP (Partido Progressista), ele disse que é algo “satisfatório”.

“Quem não quer receber um convite do vice-governador para ingressar em um partido de tanta força, como o PP? Mas eu estou satisfeito com o meu partido. Alianças futuras podem ocorrer, quem sabe”, disse o vereador, que complementou.

“A minha relação com o governador, o vice-governador João Leão e o deputado Cacá Leão, é de respeito e carinho. Faz parte do processo político prestigiar os amigos. Eu como presidente de um Poder não poderia me furtar a desejar boa sorte a Maurício Barbosa (Segurança Pública), Fábio Vilas Boas (Saúde) e meu irmão Fausto, amigo de infância, que assume a Secretaria de Cultura”, finalizou Geraldo Júnior.