Empresa muda rota, e voo vira o mais longo do mundo

Ao alterar o trajeto de um voo entre Nova Déli, na Índia, e São Francisco, nos Estados Unidos, a Air India conquistou o título de voo mais longo do mundo.

Anteriormente, a companhia fazia a rota sobrevoando o Oceano Atlântico, mas desde a semana passada o voo começou a fazer o trajeto pelo lado oposto, passando pelo Oceano Pacífico, segundo o UOL.

Com esta mudança, a distância percorrida pelo voo aumentou em 1.400 km, chegando a um total de 15,3 mil km. Ao contrário do que pode parecer, o tempo da viagem passa a ser de 14,5 horas, duas horas mais rápido.

A razão de tal melhoria são os ventos em altitudes elevadas, já que quando sobrevoava o Atlântico, o avião enfrentava ventos de frente que diminuíam a velocidade em relação ao solo, em média, em 25 km/h, explicou a empresa.

Na rota pelo Pacífico, os ventos são mais fortes e seguem na mesma direção do voo. Com isso, a aeronave é empurrada pelos ventos e a velocidade em relação ao solo aumenta, em média, em 140 km/h.

A Air India utiliza na rota o Boeing 777-200ER e estima-se que, a cada hora de voo, o avião consuma cerca de 9.600 litros de combustível.

Com a mudança de caminho, em termos de distância, a Air India desbancou a Emirates. Até então, o voo mais longo do mundo era o da rota entre Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, e Auckland, na Nova Zelândia. O voo percorre 14,3 mil km em 16,5 horas.

A Singapore Airlines, no entanto, quer tirar o título da Índia e já anunciou que, a partir de 2018, pretende realizar a rota entre Cingapura e Nova York. O percurso total de 16,5 mil km deverá ser percorrido em 19 horas com o Airbus A350.

Atualmente, a rota mais longa em termos de tempo de voo pertence à Emirates no trecho entre Dubai e a Cidade do Panamá. São 17,5 horas e 13,8 mil km.

Municípios de Guanambi, Candiba e Pindaí são orientados a proibir realização de festejos juninos

O Ministério Público estadual, por meio da promotora de Justiça Tatyane Miranda, recomendou aos Municípios de Guanambi, Candiba e Pindaí que proíbam a realização de festejos juninos...

Saúde investe meio milhão de reais em requalificações do Samu Salvador em 2021

O período de pandemia exigiu ainda mais dos esforços do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) Salvador para obter resolutividade satisfatória nos atendimentos de rotina e...

Receitas juninas: confira opções imperdíveis para fazer em casa

Pelo segundo ano, as festas juninas foram canceladas por causa da pandemia, mas não quer dizer que as comidas típicas não podem ser preparadas. Por isso, a...

Especialistas recomendam vacinas contra doenças mais comuns no inverno

O efeito do clima frio e seco nas mucosas do sistema respiratório e a convivência em ambientes mais fechados estão entre as razões que fazem do inverno...