Transexual é agredida em Pirajá

Uma transexual foi baleada agredida na madrugada desta segunda-feira (27/04), no bairro de Pirajá, em Salvador. A informação foi confirmada ao Informe Baiano pelo presidente do Grupo Gay da Liberdade (GGL), Giliarde Silva. O ativista social não informou detalhes, mas disse que Raissa Bacelar é uma pessoa de bem e atua como diretora do GGL.

De acordo com uma fonte do Ib, a vítima foi perseguida por um homem e agredida. Ainda de acordo com a fonte do IB, Raissa foi ferida em via pública e socorrida para uma unidade médica. Inicialmente, o IB noticiou que a vítima foi atacada na Liberdade por um ex-namorado, que não aceitava o fim do relacionamento, mas a informação foi negada.

Últimas Noticias

CBF exigirá vacinação completa de atletas para competições nacionais

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou nesta sexta-feira (21) a nova edição do Guia Médico de Medidas Protetivas...