Projeto de lei de Geraldo Júnior que obriga a instalação de câmeras para medir temperatura e portais de desinfecção é aprovado na CMS

Medida será aplicada nas escolas, postos de saúde e hospitais de Salvador

Durante sessão ordinária na manhã desta terça-feira (05), a Câmara Municipal de Salvador aprovou à unanimidade o projeto de lei 86/2020, de autoria do presidente Geraldo Júnior (MDB), que prevê a instalação de câmeras termográficas, capazes de verificar a temperatura dos cidadãos, e portais de desinfecção nas entradas dos órgãos públicos da Administração Direta e Indireta municipal, bem como em todas as instituições bancárias, escolas municipais, hospitais municipais, clínicas, postos de saúde e locais públicos e privados de grande e médio fluxo, prevenindo a propagação da Covid-19.

“É de responsabilidade do parlamentar criar instrumentos eficazes que possam contribuir na melhoria da qualidade de vida da população, ainda mais em tempos de pandemia que devemos ter atenção máxima em legislações que possam reduzir a proliferação da Covid-19”, afirma Geraldo Júnior.

O projeto será encaminhado para o Poder Executivo, para sanção. A proposta é que a medida entre em vigor assim que for sancionada pelo prefeito ACM Neto.

“Ao aprovar esse projeto de lei, estamos legislando de forma responsável e eficaz, pois a adoção desses equipamentos pelo Poder Executivo, em locais de grande circulação de pessoas, principalmente escolas, postos de saúde e hospitais, efetivamente trará reduções no número de infectados”, concluiu o presidente.

Últimas Noticias

Saúde antecipa entrega de terceiro lote de vacinas pediátricas

O Ministério da Saúde divulgou nesta segunda-feira (17) que antecipou a data da chegada do terceiro lote das vacinas...