Salvador: prefeitura fará testagem em mais de 30 mil profissionais contra a Covid-19

Foto: Max Haack

A Prefeitura inicia, a partir desta terça-feira (19), a testagem rápida de 31.470 profissionais em Salvador que estão atuando na linha de frente ao combate à Covid-19. O anúncio foi feito pelo prefeito ACM Neto pela manhã, durante a inauguração da nova sede do Centro de Referência e Assistência Social (Cras) Itapagipe, localizada no bairro de Roma. Serão 25 mil testes apenas para trabalhadores das área da saúde e segurança.

São profissionais que estão atuando nas ruas, no enfrentamento à doença, no reforço das medidas e isolamento e na manutenção da rotina na cidade, a exemplo também dos trabalhadores da Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (Sempre), Defesa Civil de Salvador (Codesal), Transalvador e Secretaria de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur). 

“Essa medida possui dois objetivos. Primeiro, trazer segurança e conforto ao ambiente de trabalho, dar a capacidade desses trabalhadores continuarem fazendo a sua atividade sem tanto medo e preocupação com a contaminação porque, eventualmente, se alguém tiver com o coronavírus, vai ser afastado do trabalho. O outro objetivo é impedir que essa pessoa seja um vetor de transmissão. Como acaba lidando muito com o cidadão no dia a dia, se ela tá com o vírus e não sabe, pode acabar transmitindo. É também uma proteção a todo o cidadão da nossa cidade”, explicou ACM Neto.

Ele aproveitou também para reafirmar que a Prefeitura vai continuar o trabalho de aquisição de mais unidades e aplicação desses testes rápidos em toda a cidade. “Sabe-se que essa é uma medida muito importante no combate à pandemia”, pontuou.

Áreas restritas – No caso da testagem feita nas áreas de maior restrição, a gestão municipal deverá mudar o modelo da operação para evitar filas, como a registrada na manhã desta terça-feira na Praça Ana Lúcia Magalhães, na Pituba. “Vamos estudar um novo modelo para não promover aglomerações, minimizando os riscos”, finalizou ACM Neto.

Últimas Noticias

Anvisa proíbe uso do fungicida carbendazim em produtos agrotóxicos

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou hoje (8) por unanimidade a proposta de Resolução da Diretoria Colegiada...