Mulheres participam de encontro sobre câncer de mama na Ribeira

A voz suave acompanhada pelo violão abriu a tarde de diálogo com mulheres que vivem na Península Itapagipana, na tarde desta sexta-feira (2). A apresentação musical serviu de introdução para a discussão de um tema necessário: a prevenção do câncer de mama. Atentas, as participantes ouviram as recomendações da subsecretária da Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ), Deise Menezes, e da enfermeira da Unidade Básica de Saúde do Candeal Pequeno, Nelcy Coppe.

“Esses momentos são muito importantes porque chamam a atenção da sociedade para o autocuidado. Se for tratado a tempo, o câncer de mama tem cura, por isso é tão importante fazer o autoexame e a mamografia, de acordo com a faixa etária recomendada. Vamos aproveitar ao máximo as ferramentas disponibilizadas para diagnóstico e tratamento da doença em Salvador”, alertou Deise durante a abertura da palestra.

O encontro foi realizado no Centro de Atendimento à Mulher Soteropolitana Irmã Dulce (Camsid), na Ribeira, e faz parte do Outubro Delas, campanha desenvolvida pela SPMJ com o objetivo de conscientizar a sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama. Durante todo o mês de outubro serão realizadas ações de conscientização voltadas para o público feminino. Além da programação de hoje, estão previstos mais quatro encontros nos dias 19, 21, 23 e 30.

Uma das participantes, a professora Célia Ferraz, 65 anos, disse ter amado o evento. “Essa palestra está sendo uma benção, muito rica. Nunca é demais nos alertar sobre a importância de se cuidar e de prevenir doenças. Sempre que possível eu faço o meu exame para me sentir mais segura”, contou.

Programação – Nos dias 19, 21 e 23 os eventos ocorrerão no Camsid com mulheres do Instituto Vencendo o Câncer (Ivecam). Pacientes que venceram o câncer de mama compartilharão suas experiências com o público, que também terá a oportunidade de participar de palestras feitas por profissionais de saúde sobre a prevenção e sobre sexualidade após o diagnóstico do câncer. O evento terá ainda música ao vivo.

No dia 30, às 14h, acontecerá no Teatro Escola Jorge Amado, na Pituba, uma ação de conscientização exclusiva para as mulheres surdas do Centro de Surdos da Bahia (Cesba). Na ocasião, haverá palestras sobre a importância do diagnóstico precoce, debates e intervenções culturais com o grupo Favela de Teatro.

“Tomo sempre banho antes e depois de transar”, diz Xuxa

Xuxa Meneghel revelou no livro “Memórias”, lançado em setembro, que ainda sofre com os traumas por causa dos abusos sexuais que sofreu quando era criança. As informações...

Salvador ganha destaque em final latino-americana de game musical

Salvador será destaque durante a transmissão da final latino-americana do game musical Just Dance M.A.C Challenge 2020. A capital baiana, eleita pela segunda vez pela Unesco como...

Prêmio das Artes Jorge Portugal, da Funceb, tem inscrições abertas até segunda-feira (19)

Lançado pela Fundação Cultural do Estado da Bahia, o Prêmio das Artes Jorge Portugal segue com inscrições abertas até 19 de outubro (segunda-feira), no site da no...

Phil Collins descobre que mulher se envolveu com outro homem e quer despejá-la de sua mansão

Aos 69 anos, o cantor Phil Collins se envolveu em nova polêmica com sua ex-mulher e pretende entrar com um processo para despejá-la de sua mansão na...