PF detecta laços entre Kássio Nunes e esquema de venda de sentenças na Bahia, diz colunista

O jornalista Jairo Costa Júnior, da coluna Satélite, do jornal Correio, revelou na quinta-feira (08/10) que investigadores da Operação Faroeste detectaram laços do juiz Kássio Nunes, indicado por Jair Bolsonaro ao Supremo Tribunal Federal (STF), à gênese do esquema milionário de grilagem e venda de sentenças de terras na Bahia.

Conforme a publicação, Kássio Nunes teria também se beneficiado de uma decisão milionária concedida pelo juiz José Ramos Dias Filho, do TJ do Piauí, em ação movida contra a Toyota por uma concessionária de veículos.

Ramos Filho é o mesmo autor de sentenças que permitiram a grilagem de imóveis em regiões da Bahia, alvo de investigadores da Operação Faroeste.

O juiz chegou, inclusive, a ser afastado pelo Conselho Nacional de Justiça e aposentado compulsoriamente em 2017 por suspeita de favorecer Kássio Marques na ação envolvendo contra a Toyota.

Bahia derrota Athletico-PR e entra no G4

O Bahia derrotou o Athletico-PR por 2 a 1, no estádio Pituaçu, em Salvador, na noite desta quinta-feira (24) pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2021....

Mais de 3,9 mil empregos serão promovidos no interior da Bahia

Investimentos previstos em mais de R$ 3,7 bilhões serão aplicados nas implantações de seis unidades industriais em cinco municípios baianos. Juntas, as empresas devem gerar mais de...

Pelo segundo ano consecutivo, HGE tem o maior número de cirurgias bucomaxilofacial do país

Com um total de 597 procedimentos realizados em 2020, o Serviço de Cirurgia Bucomaxilofacial do Hospital Geral do Estado (HGE) alcançou, pelo segundo ano consecutivo, o primeiro...

Indústria baiana gera 18,2 mil empregos no primeiro quadrimestre de 2021

De janeiro a abril desse ano o setor industrial da Bahia gerou 18,2 mil empregos. Somente no mês de abril, o saldo positivo foi de 1,6 mil...