Projeto de Félix proíbe propaganda em bens públicos

O deputado federal Félix Mendonça Jr. (PDT-BA) apresentou projeto de lei (4848/20) na Câmara dos Deputados que proíbe a fixação de cartazes em viadutos, postes, árvores e monumentos, entre outros bens públicos, além do período eleitoral. Atualmente, a lei penaliza a propaganda eleitoral com multas que variam entre R$ 2 mil e R$ 8 mil, mas só durante o pleito. O projeto de Félix busca tornar ilegal, de forma permanente, qualquer tipo de propaganda.

Segundo o parlamentar, esse tipo de publicidade, além de causar poluição visual, pode comprometer a sinalização do trânsito. “Na maioria das vezes, a propaganda é fixada cobrindo a sinalização ou bem próximo a ela, gerando prejuízo ao fluxo e a identificação das placas de trânsito”, justifica.

De acordo com o presidente do PDT baiano, o objetivo da proposta é preservar valores estéticos e paisagísitcos da cidade, a fim de criar mecanismos para amenizar a poluição visual gerada clandestinamente, uma vez que a maioria da propaganda realizada nesses locais é irregular.

O deputado lembra ainda que esse tipo de conduta causa sujeira e gera prejuízos à população, uma vez que o material que se desprende pode entupuir bueiros, causando problemas às galerias fluviais com o risco de inundações.

”Lutarei incansavelmente para reverter a decisão”, declara Marcell Moraes após julgamento do TSE

“Enquanto houver chances não desistirei”. Está foi a primeira declaração dada pelo deputado estadual Marcell Moraes (PSDB), após o Tribunal Superior Eleitoral cassar nesta noite o mandato...

TSE cassa mandato de Marcell Moraes

O deputado estadual Marcell Moraes teve o mandato cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), na noite desta terça-feira (26/10). A decisão por unanimidade foi proferida pelo presidente...