Ministério da Saúde lança campanha de combate ao Aedes aegypti

O Ministério da Saúde lançou nesta terça-feira (24) a Campanha de Combate ao Mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya, doenças que podem gerar outras como a microcefalia e a síndrome de Guillain-Barré.

De acordo com o último boletim epidemiológico do Ministério da Saúde, de janeiro até setembro deste ano, foram notificados 928.282 casos prováveis (taxa de incidência de 441,7 casos por 100 mil habitantes) de dengue no Brasil.

Os sintomas das doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti podem ser confundidos com outras mais comuns, como gripes e resfriados. Por isso, é importante estar em alerta e, em caso de sintomas, procurar um serviço de saúde para diagnóstico e tratamento adequados.

No verão, com as chuvas, aumenta a proliferação do mosquito, que se reproduz em água limpa e parada.

Tiroteio em Ilhéus e bandidos localizados com drogas

Dois homens foram conduzidos por policiais da 70ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/ Ilhéus), na quinta-feira (21), após serem flagrados com arma e drogas no bairro...

Covid-19: número de casos sobem e mortes caem, segundo boletim

O Brasil bateu o recorde de casos de covid-19 por semana desde o início da pandemia. Na semana epidemiológica 2 de 2021, de 10 a 16 de...

Baque de R$15 milhões: meia tonelada de cocaína encontrada em laboratório de refino em Feira

Meia tonelada de cocaína foi encontrada durante ação conjunta da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) de Feira de Santana com a Cipe Litoral Norte. A casa...

Como as gorduras trans afetam a diabetes. Evite!

As gorduras trans artificiais são extremamente prejudiciais à saúde. São criados pela adição de hidrogênio a ácidos gordos insaturados. As gorduras trans são encontradas em margarinas, manteiga de...