“Novo Lar”: 104 famílias recebem habitações em Itapuã

Reportagem: Renata Preza e fotos: Mateus Pereira

O sonho da casa própria e com condições dignas de moradia se tornou realidade para as 104 famílias que receberam as habitações construídas pelo Governo do Estado na Baixa do Soronha, em Itapuã. As chaves dos imóveis foram entregues pelo governador Rui Costa, na manhã desta sexta-feira (15). A ação faz parte de uma ampla intervenção feita na área, com um investimento aproximado de R$16 milhões.

“É um projeto que visa proporcionar maior qualidade de vida para as pessoas. E com outros projetos que estão em andamento, nós vamos continuar fazendo isso, trabalhando e cuidando de quem mais precisa. O governo tem que olhar para todo mundo, mas fundamentalmente para quem mais precisa”, afirmou o governador Rui Costa.

Vizinhos à Lagoa do Abaeté, os imóveis contam com dois quartos, sala, banheiro, cozinha e área de serviço. Ao todo, 26 blocos, com quatro apartamentos cada, formam o Conjunto Habitacional Novo Lar.

A dona de casa Jucineide Oliveira vai morar no Bloco 26, apartamento 001. “Antes, tinha um esgoto que passava no fundo da minha casa e, quando chovia, eu tinha que tirar uma lama preta de dentro, eu e meu marido. Foram muitas as noites tentando tirar a água suja de casa. Com essa obra, eu saí da lama, graças a Deus”, comemorou.

Antes de receberem as chaves, os novos moradores tiveram acesso a aluguel social ou receberam indenização para morar em locais com condições mais adequadas de moradia, já que, no local em que hoje está instalado o conjunto, havia um esgoto a céu aberto.

Ampla intervenção

Trata-se de uma macro intervenção de urbanização integrada, executada pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Estado (Sedur), que envolve obras de infraestrutura, pavimentação, drenagem, reparos e a construção das novas unidades habitacionais que foram entregues pelo governador. Além disso, inclui a recuperação de equipamentos e infraestrutura ao redor do Parque do Abaeté.

“Nós estamos entregando um novo bairro aqui e quem conhecia a situação sabe disso. São quase R$16 milhões em diversas obras que estão, de fato, garantindo moradia digna a todas essas pessoas”, reforçou o titular da Sedur, Nelson Pelegrino.

As ações favorecem indiretamente as 2.400 famílias que residem em toda a Baixa do Soronha, melhorando as condições de saúde, acessibilidade e moradia, de uma forma geral.

Motorista de aplicativo é morto em Canabrava

Um motorista de transporte por aplicativo foi assassinado na noite deste sábado (27/02), no bairro de Canabrava, em Salvador. O crime aconteceu na Rua Paulo Souto, localidade...

Lista inédita de animais encontrados no Ceará é lançada

Tatus, onças pardas e baleias são alguns dos animais encontrados no Ceará e que integram um dos primeiros inventários de fauna realizados em âmbito estadual no Brasil. A...

Brasil tem 254 mil mortes por covid-19

O Ministério da Saúde divulgou hoje (27) novos números sobre a pandemia de covid-19 no país. De acordo com levantamento diário feito pela pasta, o Brasil tem...

Pesquisa: cepa do Amazonas do coronavírus gera mais carga viral

Um estudo coordenado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) Amazônia constatou que a carga viral de pacientes contaminados pela cepa P.1 do novo coronavírus (SARS-CoV-2), uma variante provavelmente...