“Vírus não existe na Bulgária”, diz baiano da Seleção Olímpica de Boxe

Um dos treinadores da Seleção Olímpica de Boxe, o soteropolitano de Pernambués Mone Nocaute, conversou com o Informe Baiano por telefone na manhã deste sábado (20/02) e falou sobre a preparação dos 15 atletas brasileiros, entre eles oito baianos, para os Jogos Olímpicos de Tóquio. O grupo verde e amarelo está na Bulgária, onde participa de uma das competições mais disputadas do circuito europeu, o Torneio de Strandja, que está na 72ª edição, e conta com a presença dos melhores atletas do mundo.

“Já estamos há uma semana aqui nessa preparação. Está dando 14 graus negativos aqui, está nevando. Os nossos atletas não tem esse costume de lutar em ambiente tão frio. A gente fez três ‘sparrings’ em conjunto com eles e foi muito proveitoso para a equipe entrar no ritmo para as classificatórias olímpicas”, pontuou Mone ao acrescentar que o evento está previsto para ocorrer em maio, na cidade de Buenos Aires, na Argentina.

“As nossas expectativas são as melhores possíveis, apesar do comitê ter anunciado que iria cancelar novamente o pré-olímpico, mas só cancelou o da Europa. O da América vai acontecer. A gente espera classificar o maior número de atletas, tanto masculino, como feminino. A nossa chance é agora. Se a gente conseguir classificar 7 ou 8 atletas, com certeza, vamos chegar ainda mais confiantes nos Jogos Olímpicos”, afirmou.

O baiano destacou três atletas, que “apesar de novos”, tem chances reais na conquista de medalhas: “Beatriz Ferreira, que foi campeã mundial; Hebert Conceição, medalhista mundial; e Keno Marley, campeão olímpico da juventude”.

Mone Nocaute também falou sobre a pandemia da Covid-19 na Bulgária, que está entre os 10 países com mais doses da vacina administradas em relação à população. Também revelou como foi a viagem, que durou 36 horas.

“Em relação ao vírus aqui na Bulgária, ele não existe. Os búlgaros não usam máscara. A gente está tomando todas as preocupações e para entrar no país foi muito burocrático. Eles criaram vários protocolos de segurança e quase a gente não embarca. A gente cancelou, inclusive, algumas passagens que tínhamos pela Alemanha. A gente não conseguiu entrar pela Alemanha porque estava proibida a entrada de brasileiros. Viemos por Paris (França), mas no aeroporto tinha que tá com o PCR negativo com o prazo de 48h. Chegando aqui a gente teve que ficar de quarentena e fazer um novo exame. Graças a Deus todo mundo testou negativo e estamos treinando”, comemorou.

Por fim, Mone disse que “domingo faremos novo exame para participar do campeonato” e “daqui a gente parte para Alemanha, onde vamos participar de uma base de treinamento e no final vai ter uma competição entre eles”.

Os atletas baianos na delegação são: Beatriz Ferreira (60kg), Viviane Pereira (75kg), Ronaldo Bezerra (52 kg), Edson ‘Kalango’ Araújo (69kg), Isaias Ribeiro (75kg), Hebert Souza (75kg), Keno Machado (81kg) e Joel Silva Ramos (até 91kg).

Também representam o Brasil na Europa Jucielen Romeu (até 57kg), Beatriz Soares (até 69kg), Flávia Figueiredo (até 75kg), Luiz Oliveira (até 52kg), Wanderson Oliveira (até 63kg), Luiz Silva (69kg) e Abner Silva (até 91kg). Além de Mone, a comissão técnica é composta pelo treinador principal Mateus Alves, os treinadores Leo Macedo e Suelen Souza, o fisioterapeuta Fábio Costa e a ábitra Michele Paulo.

Seleção Olímpica de Boxe: nove baianos viajam para torneio e representam Brasil na Europa

RG Expresso vira principal forma de solicitar nova carteira de identidade

A pandemia do novo coronavírus ainda está em vigor e a recomendação é ficar em casa. Para quem precisa de uma nova carteira de identidade neste período,...

Dois suspeitos de envolvimento em latrocínio de policial na Santa Mônica são presos

Dois homens estão detidos sob suspeita de participação no latrocínio do policial civil Joel dos Santos de Jesus, 49 anos, morto na noite desta segunda-feira (12/04), no...

Registro de peixes no Rio Pinheiros cria esperança, diz especialista

Imagens de peixes nadando no Rio Pinheiros, no trecho próximo à ponte Cidade Jardim, na capital paulista, foram divulgadas nos últimos dias em redes sociais e pelo...

Dólar sobe para R$ 5,72 e fecha no maior valor em duas semanas

Influenciado pelo exterior e por tensões no mercado interno, o dólar voltou a superar a barreira de R$ 5,70 e fechou no maior valor em duas semanas....