Deputados se reúnem com Leo Prates e destacam ações para combater segunda onda da covid-19

Uma comitiva de sete deputados estaduais da bancada de Oposição da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) se reuniu, de forma virtual, nesta quarta-feira (24) com o secretário da Saúde de Salvador, Leo Prates, e destacou ações da prefeitura para combater a segunda onda da covid-19 na capital baiana. Participaram do encontro os deputados Sandro Régis (Democratas), líder da bancada, Paulo Câmara (PSDB), Alan Sanches (Democratas), Tom Araújo (Democratas), Soldado Prisco (PSC), Tiago Correia (PSDB) e Pedro Tavares (Democratas).

Os parlamentares ouviram de Prates um balanço das principais ações da gestão municipal e destacaram o empenho da prefeitura, desde a gestão de ACM Neto e, agora, na administração de Bruno Reis, ambos do Democratas. “Salvador tem sido pioneira no combate ao coronavírus, com medidas que acabaram sendo seguidas por diversas cidades. É um trabalho que tem salvado vidas e evitado um colapso do nosso sistema de saúde”, ressaltou Soldado Prisco.

Mais recentemente, o prefeito Bruno Reis anunciou que a prefeitura irá assumir a gestão total do Hospital Salvador, que passa a ser exclusivo para atender a pacientes da covid-19. “Com o avanço da curva de contágio, a gestão tem feito todos os esforços para garantir atendimento a todos que precisem de leitos, clínicos ou, nos casos mais graves, de UTI”, afirmou Paulo Câmara.

Contudo, as ações de Salvador vão além da abertura de leitos. As medidas vão desde o fortalecimento da rede assistencial até a oferta de auxílio para os trabalhadores informais. Ao longo de 2020, por exemplo, a prefeitura inaugurou 15 Unidades Básicas de Saúde (UBSs), reforçando a atenção básica do município.

“Queremos lembrar que, em 2013, quando ACM Neto chegou à prefeitura, Salvador tinha apenas 18% de cobertura da Atenção Primária À Saúde (APS) e, no fim do ano passado, entregou mais de 56%. Ou seja: a cobertura da atenção básica triplicou, o que foi fundamental para dar suporte à população neste momento difícil”, pontuou Alan Sanches.

Para fortalecer a rede assistencial, a prefeitura ainda contratou 275 novos profissionais para compor as equipes. Além disso, a gestão lançou o programa Salvador Protege, desenvolvido com o propósito de mudar toda a atuação da rede de atenção primária da capital, com a aplicação sendo iniciada durante a pandemia.

O programa tem como objetivo principal proteger e cuidar das pessoas, famílias e comunidades impactadas pela pandemia da Covid-19, e envolve o trabalho das Unidades Básicas de Saúde (UBS), em complemento às atividades realizadas pelos agentes de saúde e de combate às endemias. A iniciativa, segundo a prefeitura, encontra-se em 125 unidades de saúde, representando 80,65% do total.

A prefeitura ainda disponibiliza a realização de teste rápido para detecção da covid-19 nas 53 UBS distribuídas nos 12 distritos sanitários da capital baiana. “Salvador segue dando o exemplo com uma gestão eficiente e transparente que tem sido crucial para salvar vidas. O momento é muito difícil, principalmente agora nesta segunda onda, mas todos os esforços estão sendo feitos para proteger as pessoas e garantir atendimento a todos que precisam”, afirmou Sandro Régis.

Olavo de Carvalho é hospitalizado nos EUA por problemas respiratórios

Nesta terça-feira (13), o escritor Olavo de Carvalho foi internado às pressas em um hospital de Richmond, no estado de Virginia, nos Estados Unidos, com problemas respiratórios. A...

Câmara aprova projeto que prorroga entrega do IR até 31 de julho

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (13) a prorrogação, até 31 de julho de 2021, do prazo para entrega da declaração de Imposto de Renda da...

Três consequências do beijo para a saúde oral

Beijoqueiros, este artigo é para vocês. Hoje celebra-se o Dia do Beijo e, antes que se apressem nas comemorações, a Impress apresenta três consequências, boas e más,...

Funcionários da LG entram em greve por manutenção de empregos

Os trabalhadores da fábrica da LG em Taubaté, no interior paulista, entraram em greve para que a empresa mantenha 430 postos de trabalho. Na semana passada, a LG...