Operação Lava Jato fez bem ou mal ao Brasil? Confira pesquisa do Instituto Paraná

Pesquisa realizada pelo Instituto Paraná e divulgada na sexta-feira aponta que a maioria dos brasileiros acredita que a Operação Lava Jato fez bem ao país. O levantamento perguntou: “De uma maneira geral, pelo que o(a) Sr(a) sabe ou ouviu falar, a Operação Lava Jato fez mais bem ou mal para o Brasil?”.

Dos 2.264 entrevistados, 69,2% disseram que fez mais bem e 24,6% que fez mais mal. Já 6,2% disseram que não sabem ou não opinaram.
O trabalho de levantamento dos dados foi feito através de entrevistas pessoais telefônicas com habitantes com 16 anos ou mais em 26 Estados e Distrito Federal e em 200 municípios brasileiros durante os dias 16 a 19 de fevereiro de 2021, sendo auditadas simultaneamente à sua realização, 20,0% das entrevistas.

Conforme o Instituto Paraná, a amostra representativa do Brasil atinge um grau de confiança de 95,0% para uma margem estimada de erro de aproximadamente 2,0% para os resultados gerais. Nas análises das questões por localidade, o grau de confiança atinge 95,0% para uma margem de erro de 3,0% para o estrato da Região Sudeste, onde foram realizadas 986 entrevistas, 4,0% para o estrato da Região Nordeste, onde foram realizadas 609 entrevistas, 5,5% para o estrato da Região Norte + Centro-Oeste onde foram realizadas 340 entrevistas e 5,5% para o estrato da Região Sul, onde foram realizadas 329 entrevistas. A Paraná Pesquisas encontra-se registrada no Conselho Regional de Estatística da 1a, 2a, 3a, 4a, 5a, 6a e 7a Região sob o no 3122/20.

A amostra é representativa dos moradores das áreas pesquisadas e foi selecionada em duas etapas. Na primeira etapa realizou-se um sorteio probabilístico dos municípios onde as entrevistas foram realizadas através do método PPT (Probabilidade Proporcional ao Tamanho), considerando a população com 16 anos ou mais residente nos municípios como base para essa seleção. Na segunda etapa, a seleção dos entrevistados dentro do município, foi feita utilizando-se quotas amostrais proporcionais, em função das seguintes variáveis: sexo, faixa etária, escolaridade e nível econômico. Veja abaixo a pesquisa completa:

Últimas Noticias

PEC que altera composição do CNMP é rejeitada pela Câmara; Veja como votaram os deputados baianos

A Câmara dos Deputados rejeitou nesta quarta-feira (20/10) a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 5/21, que altera a...