Bahiense cobra força-tarefa para investigar morte de garoto de 9 anos no Vale das Pedrinhas

O vereador de Salvador, Sandro Bahiense (Patriota), lamentou neste sábado (27/03) a morte prematura do garoto de 9 anos identificado pelas iniciais R.A.P.T.N. em decorrência de uma operação policial na noite de ontem, no Vale das Pedrinhas, em Salvador. Familiares apontam que uma guarnição da Polícia Militar “chegou atirando” na Rua do Gás e o garoto foi atingido fatalmente. Ele chegou a ser socorrido para o Hospital Geral do Estado (HGE), mas não resistiu.

“Precisamos de uma força tarefa para investigar caso com celeridade e de forma eficaz. Já virou algo comum ações da PM serem concluídas de forma trágica em bairros mais humildes e não podemos naturalizar isso, nem achar que é normal. Não é. Temos que fazer uma discussão sobre essas operações e os métodos de abordagem. Se há crianças na rua, por exemplo, tem que haver uma cautela maior. É o caso, inclusive, da operação ser cancelada. Eu quero paz no Nordeste”, disse o edil.

“A Secretaria de Segurança Pública investiu de forma grandiosa em sistemas de investigação inovadores. Então, está na hora de colocar isso em prática. São muitas pessoas inocentes morrendo. Bastam os assaltos, os dramas diários e a pandemia da covid-19”, finaliza Sandro Bahiense.

Flamengo e Palmeiras decidem supercampeão do Brasil hoje

O primeiro campeão nacional da temporada 2021 será conhecido neste domingo (11). A partir das 11h (horário de Brasília), o Flamengo, campeão brasileiro de 2020, mede forças...

Execução dentro de residência em Massaranduba

Um rapaz de 20 anos foi assassinado na noite de sábado (10/04), no bairro de Massaranduba, região da Cidade Baixa de Salvador. O crime aconteceu por volta...

Operação apreende arsenal de guerra, explosivos e coletes balísticos no extremo sul baiano

Um verdadeiro arsenal de guerra foi apreendido por equipes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Polícia Militar da Bahia (PMBA) na madrugada deste domingo (11/04), em...

Família rouba corpo de parente com Covid-19 para fazer enterro

Uma família da Colômbia ‘roubou’ o corpo de um familiar do hospital onde ele havia morreu com Covid-19. O objetivo era (só) levar os restos mortais do...