José Levi desembarca do governo e deixa a AGU

Nesta segunda-feira (29), o advogado-geral da União, José Levi, que integrava o Ministério da Economia, no qual foi indicado por Paulo Guedes, entregou ao presidente Jair Bolsonaro uma carta de demissão e desembarcou do governo.

De acordo com o site ‘Poder 360’, um dos motivos do pedido de demissão foi a ação direta de inconstitucionalidade que o presidente propôs ao STF (Supremo Tribunal Federal) contra 3 Estados que haviam implementado toque de recolher.

No caso, José Levi não assinou o pedido feito ao STF e por este motivo o ministro Marco Aurélio nem analisou a ação de Bolsonaro.

Ainda segundo a publicação, com a saída de Levi, André Mendonça, atual ministro da Justiça e Segurança Pública pode retornar à AGU.

Atenção para as grávidas tem reforço de R$ 247 milhões

O Ministério da Saúde anunciou a liberação de R$ 247 milhões para apoiar estados e municípios na implementação de ações de atenção às gestantes e puérperas. O...

Homens são presos com drogas, comidas e bebidas que seriam jogados em presídio de Salvador

No intervalo de cinco horas o Batalhão de Guardas (BG) da Policía Militar frustrou, na sexta-feira (17), três arremessos de materiais ilícitos para o Complexo Penitenciário Lemos...

Salvador: Drive Thru Solidário arrecada alimentos até este domingo (18)

Uma ação de solidariedade que vai ajudar a minimizar os impactos da pandemia de Covid-19 a pessoas em situação de pobreza em Salvador. Esta é a proposta...

Dia Mundial da Hemofilia: condição genética dificulta coagulação

O Dia Mundial da Hemofilia, neste sábado, 17 de abril, foi criado com a finalidade de conscientizar a sociedade e difundir informações sobre a hemofilia e outras...