José Levi desembarca do governo e deixa a AGU

Nesta segunda-feira (29), o advogado-geral da União, José Levi, que integrava o Ministério da Economia, no qual foi indicado por Paulo Guedes, entregou ao presidente Jair Bolsonaro uma carta de demissão e desembarcou do governo.

De acordo com o site ‘Poder 360’, um dos motivos do pedido de demissão foi a ação direta de inconstitucionalidade que o presidente propôs ao STF (Supremo Tribunal Federal) contra 3 Estados que haviam implementado toque de recolher.

No caso, José Levi não assinou o pedido feito ao STF e por este motivo o ministro Marco Aurélio nem analisou a ação de Bolsonaro.

Ainda segundo a publicação, com a saída de Levi, André Mendonça, atual ministro da Justiça e Segurança Pública pode retornar à AGU.

Copom eleva juros básicos da economia para 3,5% ao ano

Em meio ao aumento da inflação de alimentos, combustíveis e energia, o Banco Central (BC) subiu os juros básicos da economia em 0,75 ponto percentual pela segunda...

Postos SAC Camaçari e Valença ampliam horário de atendimento ao público

Os postos SAC Camaçari e Valença ampliaram o horário de funcionamento. As duas unidades anteciparam em uma hora o início das atividades diárias, para aumentar a capacidade...

Três incríveis benefícios da canela para a saúde

A canela é uma especiaria popular. É rica em cinamaldeído, que se acredita ser o responsável pela maioria dos benefícios da canela para a saúde. A canela...

Novas fábricas devem investir R$ 5 milhões em Lauro de Freitas, Vitória da Conquista e Itapetinga

Três novos empreendimentos devem promover a geração de 285 empregos diretos, com investimentos de mais de R$ 5 milhões, em três municípios, de acordo com a Secretaria...