Polícia resgata idosa mantida em cárcere privado em Ipirá

A senhora, de 90 anos, era mantida presa pelo sobrinho, que, ao perceber a chegada da polícia, fugiu do local.

Policiais da Delegacia Territorial (DT) de Ipirá foram acionados por uma assistente social do município para resgatar uma senhora, de 90 anos, que estava sendo mantida em cárcere privado pelo sobrinho da vítima, em uma casa em um povoado conhecido como Pau Ferro.

O sobrinho, de 51 anos, que tem passagem pela polícia por violência doméstica, fugiu do local adentrando um matagal. “Ao entrar na residência, nós a encontramos sobre uma cama, desorientada. Ela informou a equipe que há alguns dias não se alimentava nem bebia água”, relatou o coordenador da 12ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Itaberaba), delegado Geraldo Adolfo Barreto Nascimento.

O sobrinho, que segue sendo procurado, vai responder pelo crime de cárcere privado com emprego de maus tratos. “Segundo investigações, ele a mantinha presa para sacar os benefícios de aposentadoria”, explicou.

Na casa, somente foi encontrado uma cama. Não havia mais nenhum móvel, nem roupas, remédios ou alimentos. “A estrutura do imóvel era insalubre. Apoiamos a equipe de Bombeiros Civil e da assistência social, ajudamos a colocar a senhora em uma maca e, posteriormente, ela foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Ipirá”, informou o delegado.