“Um procurador mandar um prefeito desrespeitar a justiça é inadmissível”, lamenta presidente do Sinjorba

O presidente do Sindicato dos Jornalistas da Bahia, Moacyr Neves, afirmou em conversa por telefone com o Informe Baiano, nesta quinta-feira (03/06), que “a recomendação do Ministério Público enviada dia 2 de junho a prefeitura de Camaçari “desrespeita a decisão do Tribunal de Justiça”, que determinou a vacinação dos profissionais de imprensa.

“A recomendação do MPE à Prefeitura de Camaçari para desrespeitar a decisão do Tribunal de Justiça da Bahia é inadmissível em um estado democrático de direito. É a primeira vez que eu vejo uma situação como essa, um procurador de justiça recomendar a um prefeito que ele não respeite uma decisão judicial”, lamentou Moacyr.

Conforme comunicado divulgado pela prefeitura de Camaçari, a promotora Thiara Rusciolelli ligou para o subsecretário de Saúde de Camaçari, Luiz Duplat, e informou a “determinação”.

“Ainda nas primeiras horas da manhã de hoje a promotora Dra. Thiara me ligou informando da determinação do Ministério Público e determinando a suspensão imediata da vacinação. Dessa forma estamos suspendendo a vacinação dos profissionais da comunicação até segunda ordem do MP”, explica Luiz Duplat.

Uma decisão judicial do desembargador José Cícero Landim Neto, presidente da Turma de Uniformização de Jurisprudência das Turmas Recursais do TJBA, amplamente divulgada ontem, desconsidera todas as alegações do Ministério Público. O magistrado considera que a hostilização apresentada pelo MP “não esteja fundamentada em critérios técnicos e científicos”. Na segunda consideração, o desembargador diz que “priorizar os profissionais de comunicação não significa deixar de vacinar grupos prioritários que seguem no calendário de vacinação pois verifica-se escalonamento da vacinação obedecendo o Plano Nacional de Operacionalização da vacina contra a covid-19”.

Vacina para jornalistas em Salvador

O prefeito de Salvador, Bruno Reis, anunciou nesta quinta-feira (03/06), após derrota judicial do Ministério Público, que a vacinação dos jornalistas da capital baiana será iniciada amanhã. “Temos novidades na vacinação em nossa cidade! Amanhã (4), das 8h às 12h, vamos iniciar a imunização dos nascidos até 4 de maio de 1965 e jornalistas com 40 anos ou mais com nome na lista. Pela tarde, das 13h às 16h, os nascidos até 4 de setembro de 1965. Vacinar é salvar vidas!”, publicou em suas redes sociais.

Justiça desconsidera todas alegações do MP e mantém vacinação para profissionais de imprensa

Como os cítricos podem beneficiar a saúde do coração

As doenças cardíacas, incluindo ataques cardíacos e derrames, são a causa de morte mais comum no mundo. E nestas doenças, em específico, os cítricos podem ter um...

Quase 4 toneladas de alimentos são distribuídas pelo PAA em São Sebastião do Passé

O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), segue garantindo alimento na mesa das pessoas que mais precisam e renda para os agricultores baianos. Na segunda entrega do...

Bahia registra 5.253 novos casos de Covid-19 e mais 84 óbitos pela doença

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 5.253 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,5%) e 4.287 recuperados (+0,4%). O boletim epidemiológico desta quinta-feira (17)...

Eriksen usará desfibrilador após parada cardíaca em campo

O dinamarquês Christian Eriksen usará um cardioversor desfibrilador implantável (CDI) após desmaiar em campo por causa de uma parada cardíaca que sofreu durante a partida de estreia...