Governo do Estado credita nova parcela do programa Mais Futuro para universitários

O Governo da Bahia credita, nesta quinta-feira (3), mais uma parcela do programa Mais Futuro para os estudantes universitários das quatro universidades estaduais baianas (Uneb, Uesc, Uefs e Uesv). A iniciativa, que conta com um investimento de R$ 3.649.800 milhões, beneficia 9.379 estudantes que recebem bolsas de R$ 600 para os do Perfil Moradia (que estudam a mais de 100 quilômetros dos locais onde moram) e R$ 300 para os do Perfil Básico (que estudam no mesmo lugar onde moram).

No total, de janeiro a maio deste ano, já foram repassados para o programa R$ 14.715.300 milhões em recursos próprios do Estado. Desde a criação do programa, foram lançados seis editais, alcançando o atendimento superior a 18 mil estudantes, através do pagamento exclusivo da assistência estudantil.

Para a estudante Larissa de Oliveira, 24 anos, que cursa Administração no Campus XII da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), em Guanambi, a bolsa de R$ 600 é essencial para se manter nos estudos, já que teve que se mudar de Santa Maria da Vitória, sua cidade.

“O Mais Futuro é de grande importância na minha vida pessoal e acadêmica, pois é através dele que consigo ter o suporte necessário para me manter e continuar os meus estudos fora de casa. Sem o auxílio, seria extremamente difícil concluir meu grande objetivo, que é ter um diploma”, afirmou Larissa.

O coordenador executivo de Projetos Estratégicos da Secretaria da Educação do Estado (SEC), Marcius Gomes, destacou a importância do benefício para os universitários contemplados. “Assim como o Bolsa Presença e o Vale-alimentação Estudantil, que beneficiam estudantes da Educação Básica da rede estadual, o Mais Futuro é um importante programa de assistência voltado para os universitários das nossas universidades estaduais. São dois perfis de bolsas que auxiliam os estudantes, de acordo com a sua realidade, nas despesas básicas durante os seus estudos. Além disso, o beneficiado possui prioridade para o ingresso em vagas de estágio no terço final da graduação”.

Mais Futuro

É um programa de assistência estudantil criado pelo Governo do Estado para garantir a inclusão social e a permanência dos estudantes que se encontram em condições de vulnerabilidade socioeconômica nas universidades públicas estaduais.

Municípios de Guanambi, Candiba e Pindaí são orientados a proibir realização de festejos juninos

O Ministério Público estadual, por meio da promotora de Justiça Tatyane Miranda, recomendou aos Municípios de Guanambi, Candiba e Pindaí que proíbam a realização de festejos juninos...

Saúde investe meio milhão de reais em requalificações do Samu Salvador em 2021

O período de pandemia exigiu ainda mais dos esforços do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) Salvador para obter resolutividade satisfatória nos atendimentos de rotina e...

Receitas juninas: confira opções imperdíveis para fazer em casa

Pelo segundo ano, as festas juninas foram canceladas por causa da pandemia, mas não quer dizer que as comidas típicas não podem ser preparadas. Por isso, a...

Especialistas recomendam vacinas contra doenças mais comuns no inverno

O efeito do clima frio e seco nas mucosas do sistema respiratório e a convivência em ambientes mais fechados estão entre as razões que fazem do inverno...