Na CPI, Otto Alencar deixa ministro da Saúde furioso: “O senhor leu a bula (da Pfizer)?”

O senador Otto Alencar (PSD) questionou, nesta terça-feira (08/06) o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, se ele leu a bula da vacina Pfizer e o motivo do ministério ter determinado que a segunda dose da vacina fosse aplicada três meses após a primeira, já que a bula prevê apenas 21 dias de diferença entre elas.

Queiroga confessou que não leu a bula. A Pfizer chegou a emitir um documento contrário à medida do Ministério da Saúde brasileiro. O questionamento do senador baiano, que é médico, provocou a irritação do ministro e uma discussão entre os dois. Otto exigiu ao ministro não levantar a voz para ele.

“O senhor não leu a bula. O senhor tinha obrigação de ler a bula. Fala a verdade, ministro. A ciência não pode mentir. O senhor está produzindo uma pseudo-vacinação no Brasil”, disparou Otto, que deixou Queiroga furioso.

Otto também perguntou sobre vacinação em grávidas. Ele também afirmou que o ministro faz uma “pseudovacinação no Brasil”. Em resposta, Queiroga disse: “Não me chame de mentiroso, senador”. Para acalmar os ânimos, o presidente da CPI suspendeu a sessão.

Municípios de Guanambi, Candiba e Pindaí são orientados a proibir realização de festejos juninos

O Ministério Público estadual, por meio da promotora de Justiça Tatyane Miranda, recomendou aos Municípios de Guanambi, Candiba e Pindaí que proíbam a realização de festejos juninos...

Saúde investe meio milhão de reais em requalificações do Samu Salvador em 2021

O período de pandemia exigiu ainda mais dos esforços do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) Salvador para obter resolutividade satisfatória nos atendimentos de rotina e...

Receitas juninas: confira opções imperdíveis para fazer em casa

Pelo segundo ano, as festas juninas foram canceladas por causa da pandemia, mas não quer dizer que as comidas típicas não podem ser preparadas. Por isso, a...

Especialistas recomendam vacinas contra doenças mais comuns no inverno

O efeito do clima frio e seco nas mucosas do sistema respiratório e a convivência em ambientes mais fechados estão entre as razões que fazem do inverno...