Geraldo Júnior acusa presidente da Embasa de descaso com município de Santanópolis

O presidente da Câmara Municipal de Salvador, Geraldo Júnior (MDB), afirmou na segunda-feira (05/07) que está “indignado” com a “falta constante do fornecimento de água pela Embasa no município de Santanópolis”, localizado a 148 km. de Salvador, “seja na sede ou nos distritos da zona rural”. Ele afirmou, inclusive, que esteve, recentemente, numa fazenda no município e que o local foi abastecido de água por um carro-pipa.

Geraldo Júnior afirmou que ligou recentemente para o presidente da Embasa, Rogério Cedraz, para uma audiência sobre este tema com os seguintes vereadores da cidade: Almir Ramos (PSB), Jean Cerqueira de Brito (PSB) e Joselita de Jesus Oliveira (Republicanos). Também estaria presente na audiência o ex-prefeito José Florin Lima dos Santos (PTC). Geraldo foi apresentado aos políticos locais por intermédio do vereador Henrique Carballal (PDT).

Também relatou que foi agendada uma audiência para o último dia 30. Entretanto, o presidente da Embasa, na véspera, cancelou a reunião. “Já se passaram dez dias e a audiência que tinha como pauta a ausência do abastecimento de água em Santanópolis não aconteceu”, frisou.

Ele foi informado, inclusive, que por divergências políticas locais, um deputado federal teria solicitado ao presidente da Embasa o cancelamento da agenda. O político disse que comunicará o ocorrido ao governador Rui Costa (PT), que “é um amigo e não tem conhecimento de casos como esse episódio com a Presidência da Embasa”, pontuou.

“A população do interior da Bahia merece respeito”, finalizou Geraldo Júnior.

Últimas Noticias