Bom Juá: vizinho que atingiu rodoviário também não resiste; som alto motivou briga

A briga entre dois vizinhos, na manhã desta sexta-feira (16/07), em Bom Juá, terminou com os dois envolvidos mortos. O jovem de 27 anos Gleison Santos de Jesus, que estava internado no Hospital Geral do Estado (HGE) após ser atingido por tiros, também não resistiu aos ferimentos. O outro envolvido na confusão, Robson Rodrigues da Silva, que seria rodoviário, morreu no Pronto Atendimento (UPA) da Avenida San Martin. Ele foi baleado na cabeça.

Ambos foram socorridos por populares e a Polícia Civil não esclareceu ainda o que teria motivado o desentendimento. Porém, moradores disseram ao Informe Baiano que a confusão ocorreu por causa de som alto e uma moto na porta da residência de Robson. Além disso, eles já vinham protagonizando confusões há dois anos.

A ocorrência aconteceu por volta das 11h17, na Travessa Hebert de Carvalho, em frente a Escola Comunitária Bom Juá, conforme o boletim diário da Secretaria de Segurança Pública (SSP).

A Polícia Militar relatou ao IB que a 9ª CIPM foi acionada via CICom e no local, a guarnição tomou conhecimento de que os envolvidos já tinham sido socorridos. Ao chegar à emergência, a equipe da PM constatou uma das mortes.

A outra morte só foi confirmada horas depois pela SSP. A Delegacia de Homicídios (DH/BTS) investiga o caso.