Maria Marighella repudia ofensas misóginas do secretário Fábio Vilas-Boas à empresária Angeluci Figueiredo

A vereadora Maria Marighella (PT) repudiou as ofensas proferidas pelo secretário estadual de Saúde Fábio Vilas-Boas à empresária Angeluci Figueiredo, dona do restaurante Preta. “A violência contra a mulher não acontece apenas em atos extremos. É uma prática que se constrói no cotidiano – com palavras e gestos – e não pode ser naturalizada”, argumentou a petista.

Ainda de acordo com a více-líder do PT na Câmara Municipal de Salvador, este tipo de agressão não pode ser tolerada mais por nossa sociedade. “Nesse agosto lilás, mês de combate à violência contra mulher, reiteramos que não toleramos este tipo de postura vindo de qual campo vier. Não podemos aceitar as ofensas misóginas proferidas pelo secretário Fábio Vilas-Boas à empresária Angeluci Figueiredo. A ela, toda a nossa solidariedade!”, concluiu.

Últimas Noticias

Traficantes com fuzis atacam PM no Engenho Velho da Federação

Uma ação contra o tráfico da Polícia Militar no Engenho Velho da Federação resultou em um intenso tiroteio, na...