Jovem com ‘Síndrome de Down’ desaparece após pegar ônibus e é encontrado em Ondina

Após horas de angústia e desespero, familiares do jovem Diego da Silva Santos, 30 anos, finalmente respiraram aliviados durante o reencontro promovido por policiais do Pelotão de Emprego Tático Operacional da 12ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/ Rio Vermelho).

O homem, que é portador de Síndrome de Down, foi encontrado em Ondina, tomando banho de mar. Diego desapareceu logo depois de pegar um coletivo na Avenida Mário Leal, conhecida como Bonocô, em direção ao bairro da Barroquinha. A família divulgou imagens do homem nas redes sociais e em grupos de aplicativo de mensagem, na tentativa de reencontrá-lo.

Informações que Diego estava circulando na Barra e na região da Praia da Paciência, em Ondina, foram transmitidas por populares ao Centro Integrado de Comunicação (Cicom) da SSP, que direcionou os dados aos PMs da 12ª CIPM. Segundo a comandante da unidade, major Érica Patrícia, ele foi achado na água.

“Quando a guarnição passou olhando, reconheceu e foi em busca de Diego. Em apenas 10 minutos nossa equipe do Peto o encontrou”, contou a oficial. Diego foi levado de volta ao lar, no bairro Cosme de Farias, onde o reencontro emocionou policiais, vizinhos e familiares. Apesar do susto, ele estava, aparentemente, com boa saúde.

Últimas Noticias