Gorilas de um zoológico dos EUA estão em tratamento para covid-19

Vários gorilas do zoológico de Atlanta, no sul do estado da Geórgia, Estados Unidos, testaram positivo para a covid-19, informou o próprio estabelecimento.

Os primatas foram examinados depois que seus cuidadores os viram tossir e notaram outros sintomas, disse o zoológico.

Os testes iniciais deram positivo para o vírus que causa a covid-19, e o zoológico informou em um comunicado na sexta-feira que estava aguardando os resultados dos testes de confirmação.

Os gorilas em risco de sofrerem complicações estavam sendo tratados com anticorpos monoclonais, proteínas produzidas em laboratórios para combater infecções. Todos os 20 gorilas do zoológico foram examinados.

“As equipes estão monitorando de perto os gorilas afetados e esperamos sua recuperação total. Eles estão recebendo o melhor atendimento possível”, disse Sam Rivera, diretor do Zoo Atlanta.

“Estamos muito preocupados com a ocorrência dessas infecções, especialmente porque nossos protocolos sanitários aplicados para trabalhar com macacos e outras espécies animais suscetíveis durante a pandemia foram extremamente rigorosos”, acrescentou.

O zoológico acredita que os gorilas foram infectados por um tratador assintomático, embora ele tenha sido vacinado e usasse equipamento de proteção.

“Embora os humanos possam transmitir o vírus a animais como gorilas, e isso já aconteceu em outros zoológicos, não há dados que indiquem que os animais do zoológico podem transmitir o vírus aos humanos”, indicou o estabelecimento.

De qualquer forma, acrescentou que não há possibilidade de ameaça de contágio ao homem devido à distância que separa o público do habitat dos primatas.

O jornal Atlanta Journal-Constitution informou que 13 gorilas foram infectados, incluindo Ozzie, a gorila fêmea mais velha em cativeiro.

O Zoo Atlanta disse que permitiu a aplicação da vacina Zoetis Covid desenvolvida para animais e que inoculará os gorilas quando eles se recuperarem.

Ele também indicou que vacinará orangotangos, tigres de Sumatra, leões africanos e leopardos.

Cães e gatos domésticos também já foram infectados com covid-19.

Últimas Noticias