Em Lauro de Freitas, mulheres participam de ação em alusão ao Outubro Rosa no Hospital Jorge Novis

Na manhã deste sábado (09), mulheres de Lauro de Freitas se dirigiram ao Hospital Municipal Professor Jorge Novis, na Itinga, para participar da ação voltada à saúde feminina. A iniciativa encabeçada pela Secretaria Municipal de Saúde (SESA), em alusão ao Outubro Rosa, disponibilizou mais de 200 consultas com clínico geral, mastologista e exames, como ultrassonografia mamária, transvaginal, de tireóide, eletrocardiograma, preventivos, além de marcação de mamografia para o Complexo de Saúde.

A prefeita Moema Gramacho acompanhou a movimentação no local. Ela aproveitou o momento para agradecer o empenho de toda equipe da saúde para salvar vidas e destacou a importância de iniciativas como essas para o diagnóstico precoce de doenças que atingem a saúde feminina. “A prevenção é sempre o melhor remédio. Gostaria de parabenizar a todos pela possibilidade de acesso ao diagnóstico e tratamento precoce. A investigação é fundamental. Vale ressaltar que o dia de cuidado ao câncer de mama é todo o dia. O Outubro Rosa só reforça a necessidade de falar sobre o tema e ensinar as mulheres a se tocar”, argumentou.

Emocionada, a prefeita contou que descobriu um câncer de mama durante uma consulta de rotina em 2008. “Essa situação me mostrou a importância da prevenção. Saí dessa batalha mais forte do que nunca e disposta a falar para homens e mulheres sobre a importância dos exames preventivos”, completou.

Quem não perdeu tempo e aproveitou o evento foi a aposentada Maria Soares, 63. Moradora da Itinga, ela foi ao local para realizar ultrassom da tireoide e agendar mamografia. Ao final do atendimento com o mastologista, dona Maria elogiou o trabalho. “Foi bom. O médico foi atencioso, me orientou e tirou todas as dúvidas”, contou. Na próxima quarta-feira (13) será a vez de realizar a mamografia no Complexo de Saúde.

A dona de casa Marinez Brito, 36, saiu satisfeita após conseguir consulta e realizar exame transvaginal. “Bom contar com esses serviços aqui perto de casa. O mais legal ainda é saber que está tudo bem”, disse.

Já a auxiliar de serviços gerais Maria Luzia Ramos, de 43 anos, passou por consulta com mastologista e, após o atendimento, pegou uma nova guia para consulta em março de 2022. “Estava tudo bem, foi uma consulta de rotina. Agora é aguardar a próxima”, comentou.

De acordo com dados da Sesa, mais de 600 mulheres participaram da ação, onde 428 mulheres excedentes foram assistidas e serão encaminhadas para as unidades de saúde, de acordo com a especialidade indicada. O secretário explicou que todas as mulheres que se dirigiram ao Jorge Novis e não conseguiram atendimento receberão contato da pasta. “Anotamos nomes, número de telefone e especialidades desejadas. A expectativa é começar a agendar gradativamente”, informou.

Com o sucesso dessa edição, a pasta pretende realizar outros mutirões de saúde nos próximos meses para atender a alta demanda causada pela paralisação das atividades por causa da pandemia da Covid-19.

A iniciativa foi classificada pelo titular da SESA, Augusto César Pereira, como importante para cuidar das vidas das mulheres. Ele ressaltou que o cuidado deve ir além das ações realizadas no Outubro Rosa.

Últimas Noticias

Mel produzido por cooperativa de Tucano garante faturamento de R$ 2,5 milhões para apicultores da região

O Governo do Estado já investiu R$61 milhões no sistema produtivo da apicultura e meliponicultora da Bahia, somente pelos...