CCZ inicia inspeção de cemitérios em Salvador

A Prefeitura, através do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), órgão vinculado à Secretaria Municipal da Saúde de Salvador, iniciou nesta semana a aplicação de inseticida contra o Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, nos cemitérios da cidade. A medida é reforçada devido à proximidade do Dia de Finados, e visa reduzir os riscos de proliferação do inseto neste período, que coincide com a chegada do verão, quando os riscos de contaminação aumentam.

Os cemitérios Campo Santo, Municipal de Brotas, Municipal de Itapuã e dos Ingleses já receberam a visita de equipes do CCZ. Já as unidades da Ordem 3ª de São Francisco, Ordem 3ª do Carmo e Quinta dos Lázaros terão ações de inspeção nesta quarta-feira (20).

As estruturas do cemitério, normalmente, atraem os mosquitos. Por esse motivo, é reforçada a ação de prevenção de possíveis proliferações, especialmente nesse momento de crise sanitária, quando os cuidados preventivos devem ser redobrados.

“Estamos preparando os cemitérios para receber o grande público que comparece para homenagear seus entes queridos. O trabalho consiste em inspecionar detalhadamente cada unidade e procedemos com aplicação espacial de inseticida, para que as pessoas estejam mais seguras ao visitarem esses locais”, explica a coordenadora do CCZ, Isolina Miguez.

Últimas Noticias

Tiros e morte: Empresário diz que o confundiu amigo com ladrão

O empresário Marcos Antonio Parente, 59 anos, matou a tiros o ex-policial militar e amigo, Victor Hugo Carrilho, 35,...