3ª etapa da ampliação da adutora do algodão vai beneficiar os municípios de Rio do Antônio e Lagoa Real

O governo da Bahia, através da Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (Sihs), está avançando com as obras da 3ª etapa da ampliação da adutora do algodão, que vai beneficiar 23 mil habitantes da sede do município de Lagoa Real e do Distrito de Ibitira, localizado na cidade de Rio do Antônio.

Com 47% de avanço físico, os trabalhos estão sendo executados pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), vinculada à Sihs, e contam com investimento de R$ 29 milhões.

O projeto prevê a implantação de mais de 74 mil metros de adutora, 14 travessias e captação com derivação do sistema adutor de Guanambi / Caetité, que tem como manancial o Rio São Francisco.

O titular da Sihs, Leonardo Góes, informou que o Sistema Integrado de Abastecimento de Água do Algodão está em funcionamento desde 2012, levando água de qualidade para moradores do Sertão Produtivo baiano. Com a entrega da primeira etapa, foi possível levar água tratada do rio São Francisco, e restabelecer a disponibilidade de água para abastecimento em Guanambi e mais seis municípios da região. “Após a conclusão da segunda etapa em 2016, o SIAA do Algodão passou a atender aproximadamente 290 mil pessoas em nove municípios. Ao final da terceira etapa, serão mais 23 mil pessoas beneficiadas”, finalizou Góes.

Últimas Noticias

Saúde antecipa entrega de terceiro lote de vacinas pediátricas

O Ministério da Saúde divulgou nesta segunda-feira (17) que antecipou a data da chegada do terceiro lote das vacinas...