Oposição vence batalha contra Bancada Evangélica e aprova “cultura LGBT” no Plano Municipal

O Plano Municipal de Cultura de Salvador foi aprovado, nesta quarta-feira (15/12), na Câmara Municipal, com a inserção da cultura LGBTQIA+, com voto contrário da Bancada Evangélica. A “cultura gospel” também passou a constar no texto final do projeto.

O vereador Silvio Humberto (PSB) comemorou a aprovação e disse que “hoje é um dia histórico”.

“As diferenças não podem ser marcadoras das desigualdades…A cidade de Salvador se abre para a diversidade e reconhece a diversidade” pontua. O edil também criticou a Bancada Evangélica e disse que “o fundamentalismo não pode ser base da democracia”.

Durante a votação o clima esquentou entre o bolsonarista Alexandre Aleluia e a vereadora do PSOL Laina Crisóstomo.

Últimas Noticias

Nova base náutica de Itaparica impulsiona turismo na Baía de Todos-os-Santos

Consolidado como importante polo turístico da Baía de Todos-os-Santos, o município de Itaparica passa a contar com uma completa...