Feminicídio em São Félix e acusado preso 24 horas após o crime

Um homem foi preso por policiais da Delegacia Territorial (DT) de São Félix, na tarde de terça-feira (18), 24 horas depois do feminicídio de Adrielle Santos de Jesus. O suspeito convivia com a vítima e havia fugido após o crime.

O delegado Orlando Adão Corsino Júnior, responsável pela investigação do caso, solicitou a prisão preventiva do homem, que foi deferida. Ele está custodiado na DT/São Félix, à disposição da Justiça.

“Os laudos periciais devem indicar a causa da morte e o meio empregado”, pontuou o delegado. A unidade também está coletando depoimentos e informações para contribuir com o inquérito.

Últimas Noticias

Ministério da Economia mantém previsão do PIB em 1,5%

O governo federal alterou para cima a previsão da inflação deste ano. O Índice de Preços ao Consumidor Amplo...