PM deflagra Operação Saturação III em Águas Claras

O objetivo é coibir o tráfico de drogas, crimes contra o patrimônio e violentos na região.

A prevenção e a repressão ao tráfico de drogas, além da redução de crimes como homicídios e patrimoniais no bairro de Águas Claras, em Salvador, são os principais objetivos da Operação Saturação III deflagrada pela Polícia Militar, por meio do Comando do Policiamento Regional da Capital (CPRC/Central).

“Desde quando iniciamos a operação não tivemos nenhuma ocorrência de homicídios ou crimes contra o patrimônio”, revelou o comandante da CPRC/Central, coronel Paulo Luiz Cunha.

A ação ocorre 24h por dia com o apoio das unidades especializadas Batalhão de Polícia de Choque (BPCHQ), Esquadrão de Motociclista Águia (ESQD MCL) e Grupamento Aéreo (Graer). Além do Batalhão de Polícia de Reforço Operacional Motorizado (BTRO), Rondesp Central e equipes da 3ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Cajazeiras).

“Há relatos de violência de grupos armados no bairro e iniciamos a operação na quarta-feira (19). De imediato já sentimos o reconhecimento da comunidade em relação a presença e as ações desenvolvidas pela Polícia Militar”, enfatizou o comandante da 3ª CIPM, tenente coronel Augusto Santiago.

O secretário da Segurança Pública, Ricardo Mandarino, visitou a Base Comunitária de Segurança do bairro e a 3ª CIPM, situada na Fazenda Grande 2, na região de Cajazeiras, na quarta-feira para avaliar o trabalho realizado nas comunidades e ouvir equipes que atuam nas ruas.

“Reforçamos aos comandantes e aos policiais desses bairros a disposição da SSP para disponibilizar tudo que for necessário para enfrentamento de grupos criminosos”, pontuou o gestor.

Últimas Noticias

Justiça nega pedido e mantém julgamento de Flordelis

A Justiça carioca negou hoje (20) o pedido da defesa da ex-deputada federal Flordelis dos Santos de Souza para...