Mulher mais velha do mundo morre aos 119 anos

A japonesa Kane Tanaka, certificada pelo Guinness World Records como a mulher mais velha do mundo, morreu na semana passada aos 119 anos de idade.

Segundo o livro dos recordes, que confirmou a morte de Tanaka nesta segunda-feira, 25, a mulher nasceu em 2 de janeiro de 1903 no departamento de Fukuoka. Ela vivia em uma casa de repouso e se dedicava a jogos de tabuleiro.

O Japão possui a população mais velha do mundo e por volta de 86,5 mil de seus habitantes são centenários, segundo um levantamento feito pelo Ministério da Saúde em 2021.

A pessoa mais velha que já viveu e cuja data de nascimento acabou sendo certificada foi a francesa Jeanne Calment, que faleceu em 1997 aos 122 anos.

Últimas Noticias

Vitória vence Campinense e se afasta do Z4 da Série C

O Vitória venceu, neste sábado (28), o Campinense, por 1 a 0, e conquistou o segundo triunfo consecutivo na...