O que apontam as três pesquisas Opnus realizadas esse ano para o governo da Bahia? Confira

O Instituto Opnus já realizou, até o momento, três pesquisas para o governo da Bahia. Um estudo foi contratado pela Metrópole FM e dois pela Salvador FM. São cinco pré-candidatos e quatro deles pontuam.

O Informe Baiano ouviu políticos e especialistas sobre os resultados dos levantamentos nos dois cenários estimulados: o primeiro traz os candidatos sozinhos e o segundo com os apoios. Vamos analisar os números alcançados pelos dois favoritos.

Primeiro cenário

ACM Neto (União Brasil) aparecia em janeiro com 52%, em março com 65% e agora em abril com 64%, o que demonstra um crescimento de 12 pontos percentuais.

No caso do PT, que inicialmente tinha o senador Jaques Wagner como pré-candidato e depois a confirmação de Jerônimo Rodrigues, há grandes oscilações. Em janeiro, JW pontuava 29%, em março Jerônimo teve 6% e agora alcança 11%. Portanto, num primeiro momento, o PT caiu 23 pontos e em um segundo momento, cresceu 5 pontos percentuais.

Segundo cenário

Quando associado com outros nomes, ACM Neto, neste cenário, teve em janeiro 33% contra 41% de JW, que seguia na dianteira. Em março, com a entrada de Jerônimo, o placar muda. Neto passa a ter 41% contra 33% do pré-candidato do PT. Agora em abril, Neto surpreende com crescimento de três pontos enquanto Jerônimo perde um ponto. Ou seja, o líder do UB passa a ter 44% e Jerônimo 32%. Portanto, de janeiro até abril o crescimento de Neto nesse cenário é de 11 pontos percentuais. Já o PT, teve queda total de 14 pontos percentuais.

As duas últimas pesquisas apontam também uma variação dentro da margem de erro, que é de 2,5 pontos percentuais para mais ou para menos. Percebe-se que os entrevistados que disseram que “não sabem” variam no “cenário 2”, fora da margem de erro. Podem ser esses pontos que fizeram Neto crescer. Além disso, a pesquisa demonstra que o poder de Lula em transferência de votos já teria alcançado o teto.

Votos válidos pesquisa de Abril

Quando se calcula os votos válidos, o cenário da pesquisa de hoje demonstra que há grandes chances de ACM Neto vencer a disputa do dia 2 de outubro no primeiro turno. No primeiro cenário estimulado, Neto teria 76% e Jerônimo apenas 13%. Já no segundo cenário estimulado Neto tem 49% e Jerônimo 35% . A margem de erro permanece 2,5% para mais ou para menos.

Opiniões

Deputado Sandro Régis (União Brasil), líder da oposição na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba): “Eles já perceberam que não adianta ir contra a vontade do povo da Bahia, que clama por mudança. Até na pesquisa deles, ACM Neto está disparado na liderança. A verdade é que o povo baiano cansou dos governos do PT”.

Éden Valadares, presidente do PT da Bahia : “A política baiana consolidou grupos que comemoram pesquisa e outro, como o nosso, que segue trabalhando com humildade e comemora vitória na urna, resultado das eleições. Jerônimo segue crescendo, a cada viagem, a cada entrevista, sempre que mais pessoas conhecem ele e reconhecem que ele é o candidato de Lula e Rui Costa na Bahia. Com Wagner foi de virada; com Rui também; e assim será com Jerônimo”.

Pesquisa em Janeiro

Em janeiro, no primeiro cenário estimulado, o estudo contratado pelo Grupo Metropole sob número BA-07451/2022 mostra ACM Neto (União) em primeiro lugar com 52% contra 29% do senador Jaques Wagner (PT), que desistiu do pleito. Naquela ocasião, o então ministro da Cidadania, João Roma (PL), aparecia com 5%. Já o nome do PSOL, Marcos Mendes (PSOL), que foi substituído por Kleber Rosa (PSOL), somava 1%. 

No segundo cenário, quando associado aos nomes nacionais, havia uma mudança radical. Wagner, com o apoio de Lula (PT), assumia a liderança com 46% das intenções de voto. Já ACM Neto, apoiado por Ciro Gomes (PDT) no levantamento, ficava em segundo com 33%.
O pré-candidato do presidente Jair Bolsonaro (PL), João Roma, permanecia na terceira posição, desta vez com 11%. Já Mendes, na coligação com Guilherme Boulos (PSOL), mantém 1%.

Pesquisa em Março

A segunda pesquisa Opnus, realizada em março sob número BA-097/2022 e desta vez contratada pela rádio Salvador FM, ACM Neto aparece com 65% das intenções de votos. Na segunda posição aparece o ministro da Cidadania João Roma, com 8%. Jerônimo fica na terceira posição com 6% e Kleber Rosa (Psol) tem 1%. Brancos e nulos somam 6% e não sabem/não responderam, 14%.

Conforme os dados, quando os pré-candidatos são associados aos nomes nacionais, ACM Neto apresenta 41% das intenções de votos, enquanto Jerônimo Rodrigues, com apoio do ex-presidente Lula e do atual governador Rui Costa, aparece com 33%. Já João Roma (sem partido) com apoio de Jair Bolsonaro (PL) tem 14%; Kleber Rosa (Psol) com apoio de Guilherme Boulos (Psol) soma 1%. Brancos e nulos somam 4% e não sabem ou não responderam foram 7%.

Pesquisa em Abril

A última pesquisa, também contratada pela rádio Salvador FM e divulgada nesta quarta-feira (04/05), mostra ACM Neto com 64% no primeiro cenário estimulado. Em seguida, tecnicamente empatados aparecem Jerônimo Rodrigues com 11% e João Roma 8%. Já Kleber Rosa tem 1%. Brancos e nulos são 7%. Não sabem e não responderam são 9%.

No segundo cenário, com candidatura independente, Neto atinge 44%. Já Jerônimo tem 32%, com apoio de Lula, Wagner e Rui. João Roma com Bolsonaro tem 8% e Kleber Rosa com Guilherme Boulos tem 1%. Brancos e nulos são 4%. Não sabem e não responderam são 7%.

A pesquisa realizada pelo Instituto Opnus, encomendada pela Rádio Salvador FM, ouviu 1.500 pessoas, entre os dias 28 de abril a 2 de maio. A margem de erro é de 2,5 pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o números BA-07794/2022 e BR-07079/2022.

Números das três pesquisas

– JANEIRO/Estimulada 1 e Estimulada 2 (com apoios)
ACM Neto 52% e 33%
JW 29% e 46%
Roma 5% e 11%
Marcos Mendes 1% e 1%
Branco/Nulo 4% e 3%
Não sabe/não respondeu 10% e 7%

– MARÇO
ACM Neto 65% e 41%
Jerônimo 6% e 33%
Roma 8% e 14%
Kleber Rosa 1% e 1%
Branco/Nulo 6% e 4%
Não sabe/não respondeu 14% e 7%

– ABRIL
ACM Neto 64% e 44%
Jerônimo 11% e 32%
Roma 8% e 12%
Kleber Rosa 1% e 1%
Branco/Nulo 7% e 4%
Não sabe/não respondeu 9% e 7%

Últimas Noticias

Pequeno Cidadão: SAC promove atendimento exclusivo para crianças em nove postos do interior

O Projeto Pequeno Cidadão, que promove um atendimento exclusivo a crianças e adolescentes até 17 anos, para a emissão...