Banda de Forró da GCM celebra um ano com apresentações presenciais

A Banda de Forró da Guarda Civil Municipal (GCM) celebra, neste mês de junho, um ano de criação. O grupo, montado especialmente para comemorar e celebrar a época dos festejos juninos, está com diversas apresentações marcadas na cidade, em espaços públicos e instituições parceiras da corporação.

Desde o início do mês, o grupo vem tocando e animando eventos na cidade, a exemplo do São João dos grupos de idosos que praticam atividades com a Guarda no Santo Antônio Além do Carmo e na San Martin, além de atividades com a Secretaria Municipal de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre). Esta semana, o grupo foi um dos destaques da programação do São João do Centro Histórico, com apresentação no Largo do São Francisco.

Na apresentação, não faltaram sucessos do São João a exemplo de Feira de Mangaio, Asa Branca e Xote das Meninas, e também hits da atualidade, como Esquema Preferido e Meia Noite, da banda Barões da Pisadinha.

Vinda diretamente de São Paulo para passar os festejos juninos em Salvador, a gerente de Comércio Exterior, Cornélia Silva, de 56 anos, aproveitou para curtir a atração com o marido Gilson e o filho Douglas. “Adoro a Bahia e Salvador. Não via a hora de acabar a pandemia para vir. Estamos curtindo um pouco de cada atração e a banda da Guarda Civil é o máximo”, declarou.

Para o coordenador de Prevenção à Violência da GCM, James Azevedo, as apresentações são uma forma de aproximar cada vez mais os agentes do cidadão. “Neste período de tradição junina, retornando a este período presencial, fazemos questão de relembrar o São João, levando música e entretenimento para a população de forma gratuita”.

O vocalista, Ubirajara Azevedo, afirma que trazer o som para espaços públicos é importante para o reconhecimento do trabalho de promoção da paz. “Todos os guardas são músicos profissionais, então é uma junção que deu certo e estamos felizes de trazer este momento de descontração, transmitindo a nossa alegria para todos”.

Histórico e apresentações – De acordo com Azevedo, o grupo foi criado em 2021 com o intuito de promover o período da festa junina nos locais de vacinação – na época, não houve celebração presencial do São João, devido ao período crítico da pandemia de Covid-19. “Para não quebrar o clima, visitamos os postos de vacinação, incentivando a imunização a partir da música, atraindo o público para os drive-thrus”, completa.

No próximo dia 28, a partir das 15h30, o grupo é atração no Hospital Ana Nery, levando o clima de São João para a população. No dia seguinte (29), a animação será no Mercado de São Miguel, às 16h.

Últimas Noticias

Vacina contra tuberculose, BCG registra baixa cobertura no Brasil

Apesar de ser obrigatória para recém-nascidos, a vacina BCG - que protege contra as formas graves da tuberculose -...