Coluna do Meio: Injustiça com Major Denice; Família Coronel na área; e a Tia Petista que ficou emocionada ao ver ACM Neto

1. Injustiça: Surpreendeu nos bastidores da política e da PM a lista dos oficiais promovidos, na última semana. Geraldo Júnior, presidente da Câmara e pré-candidato a vice-governador, conseguiu emplacar seu segurança para o posto mais importante da instituição militar baiana. Já Major Denice, que se expôs na corporação e chegou a ser candidata a prefeita de Salvador pelo PT, continua na mesma.

2. Félix Júnior, presidente do PDT, almoçou com Ciro Gomes e ACM Neto em sua casa, na capital baiana, no último domingo. O deputado federal tem bons nomes no seu partido que poderia indicar para vice-governador, mas optou por figuras que não somam na chapa, a exemplo do empresário Angelo Dourado. Porque não indicou a vereadora da juventude, Luma Menezes, nobre parlamentar?

3. O senador Angelo Coronel não participou do evento da chapa majoritária petista no 2 de Julho e na Arena Fonte Nova, pois estava se recuperando de uma enxaqueca. Porém, os filhos Diego Coronel e Ângelo Filho marcaram presença e levaram dezenas de prefeitos, além de vereadores. Também fizeram questão de fazer registros e mais registros. Tudo compartilhado nos stories do Instagram.

4. Prefeito Peão: Bruno esteve em sua terra natal Curaçá, onde participou da tradicional Festa dos Vaqueiros esse final de semana. O gestor de Salvador mostrou que a família Reis não deixa nada a desejar para os Leôncios. “Vaqueiro de respeito”, disse uma internauta.

5. O erro do PT: A coordenação de campanha de Jerônimo e Geraldo reuniu um bom público na festa do 2 de Julho e na Arena Fonte Nova, mas poderia ser melhor, muito melhor. Dois eventos na mesma região, praticamente no mesmo horário, é cansativo demais. Talvez por isso deixou a desejar. As fotos e vídeos postadas nas redes sociais mostram um pequeno tumulto causado pelos próprios seguranças durante a passagem de Lula. Quem salvou o PT no Cortejo, que diria, foi Sargento Isidório, Geraldo Júnior e Fábio Vilas-Boas. Juntos, os três reuniram mais de mil pessoas.

6. Polêmica da foto petista: Nada demais, apenas chilique nas redes sociais. Primeiro que não havia necessidade de duplicar pessoas, pois tinham milhares no evento. Gente que foi prestigiar o 2 de Julho e não necessariamente políticos. Segundo, a explicação foi convincente, pois realmente fotos panorâmicas, a depender, causam efeito de duplicidade. Só não façam isso de novo.

7. Suíca postou um vídeo de Lula nas redes sociais e acabou vazando um trechinho que aparece Jerônimo. Um petista da ala do governador Rui Costa comemorou: “Tá vendo? Nem tudo está perdido”.

8. É Lula lá e Neto cá: Por falar em Suíca, uma carismática senhora (foto em destaque) com a estrela do PT no peito não resistiu ao ver o Tapete Azul com mais de 5 mil pessoas no 2 de Julho e agarrou ACM Neto, pré-candidato ao Governo: “Você é maravilhoso”. Ao ver a cena, o homem de Pau da Lima, Coroa Franklin Sales, que organizou parte da militância netista, declarou: “Brocamos, está tudo azul”.

9. Foi iniciada no domingo (03/07) por ACM Neto as discussões com os partidos aliados sobre sua vice, conforme revelou ao IB, na Festa da Independência, o pré-candidato ao Governo, que no mesmo dia recebeu os dados sobre a pesquisa qualitativa que encomendou. Nos bastidores, é dado como certo que o nome será do Republicanos.

10. “Coisa de mulher é resistir e lutar”: Um jornalista encrenqueiro e conceituado com atuação destacada no rádio e em portais de notícias revelou no grupo de WhatsApp Celebridades Políticas que Edylene Ferreira (Republicanos), vereadora cotada para vice de ACM Neto, lhe surpreendeu positivamente. Não é para menos e embora poucas pessoas tenham observado, foi ela que puxou a comitiva dos azuis no 2 de Julho ao lado de mais de 500 pessoas. Em seguida veio a equipe do filho da Liberdade, Sandro Bahiense (PP), abrindo alas para Neto, Cacá Leão e Bruno Reis.

11. Coronel de Antas: Se Neto escolher Marcelo Nilo para vice-governador não será uma surpresa, pois o ex-presidente da ALBa sempre foi o favorito e sempre disse que era o vice. Mas com certeza vai ser uma grande decepção para o grande público, que clama por renovação. No 2 de julho, o deputado deu um “chega pra lá” no peito de um integrante do cerimonial do governador. Posteriormente, questionado se deu um soco, negou. Nilo afirma que foi apenas o “empurra-empurra”.

12. Crescimento nas ruas: O Capitão Bolsonaro junto com seu fiel escudeiro na Bahia João Roma acertou em cheio ao mudar a programação da Motociata. Mostrou que a Barra é sua casa em Salvador, evitou confusões e ainda reuniu um público muito maior que o do PT no evento da Arena Fonte Nova.

Últimas Noticias

Juazeiro: Prefeita Suzana Ramos anuncia novo piso salarial no valor de R$ 2.424,00 para agentes de saúde

  A prefeita Suzana Ramos anunciou nesta terça-feira (16), o pagamento do novo piso salarial para os agentes comunitários de...