Governo do Estado da Bahia

Operação Nonstop cumpre mandados por fraudes em pagamento de pedágio em Salvador e Feira

Equipes do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP) cumprem, na manhã desta quinta-feira (1º), mandados de busca e apreensão em endereços de Salvador e Feira de Santana, como parte de uma investigação de fraudes praticadas contra uma empresa de pagamento automático de pedágio e estacionamento e de cartões de combustível. O esquema já causou um prejuízo estimado em R$ 200 mil.

Serão cumpridos 16 mandados na capital baiana e outros três em Feira. A ação desta quinta tem o objetivo de reforçar o conjunto de provas da investigação, que já está em curso. Algumas vítimas do golpe, inclusive, já foram ouvidas pela Delegacia de Repressão aos Crimes de Estelionato por Meio Eletrônico (DreofCiber). O delegado Charles Leão, titular da unidade, explica como se deu o esquema.

“Estamos investigando a ação de ex-empregados da empresa, que, de alguma forma, conseguiram arregimentar funcionários para colaborarem com a fraude, não tomando o devido cuidado ao cadastrar os adesivos aos veículos. Segundo apuramos, carros usados por fraudadores são equipados com as tags cadastradas irregularmente. Esses ‘stickers’ são cadastrados em nome de outra pessoa e vinculados a cartões de crédito de terceiros, que não sabem do golpe”, explica.

Conforme investigado pela DreofCiber, havia um núcleo de fraudadores em Salvador e outro em Feira. “Nosso objetivo é, com a apreensão de documentos, computadores e aparelhos telefônicos, definir melhor qual a dinâmica deste grupo criminoso, quem efetivamente o integra e suas funções internas”, acrescenta o delegado.

Fundação Jose Silveira
Prefeitura Municipal de Savaldor

PARA ONDE EU VOU? Vereadores e potenciais candidatos de Salvador começam a definir partidos; confira

No dia 6 de Outubro acontece o primeiro turno das eleições municipais em todo país. Na Bahia são 417...