Prefeitura Municipal de Savaldor

Polícia Civil avança nas investigações de tiroteios em Salvador

Ações dos Departamentos operacionais resultaram no indicativo de autoria dos crimes. Foram apreendidos porções de drogas, dinheiro e aparelhos celulares no bairro de Tancredo Neves

Mais de 100 policiais de diversos Departamentos operacionais da Polícia Civil realizaram uma operação integrada, neste sábado (4), para a identificação e prisão dos envolvidos em tiroteios que resultaram em três pessoas mortas e 10 feridas nos bairros da Ribeira e Tancredo Neves, na sexta-feira (3). Paralela as investigações em campo, quatro testemunhas foram ouvidas desde o momento do crime.

Durante as incursões, foram apreendidos aparelhos celulares, porções de maconha sintética, conhecida como “K9” e dinheiro, em Tancredo Neves. Onde também informações foram coletadas para subsidiar as apurações. De acordo com a diretora do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), delegada Andréa Ribeiro, já existe indicativo de autoria para os crimes. “Estamos avançando no esclarecimento dos crimes, principalmente na identificação dos possíveis envolvidos”, informou.

Policia Civil avanca nas investigacoes de tiroteios em Salvador 1
Foto: Tony Silva / Ascom-PC.

Para os disparos que atingiram 10 pessoas em Tancredo Neves, a principal linha de investigação é de rivalidade entre grupos criminosos. “A disputa territorial do tráfico de drogas é o principal indicativo de motivo para o crime, que está sendo explorado nas apurações. Não descartamos outras hipóteses, mas esta é a principal”, comentou a delegada Andréa Ribeiro.

Apesar de já existir indicativo de autoria para o triplo homicídio na Ribeira, a motivação ainda está indefinida. A diretora do DHPP informou que a operação integrada seguirá por todo o final de semana. “Entre atividades em campo e de inteligência policial, as investigações terão continuidade e não haverá trégua enquanto não tivermos os casos solucionados”, afirmou.

Participam das ações, equipes dos Departamentos de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP), de Polícia Metropolitana (Depom), de Inteligência Policial (DIP), de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), da Coordenação de Polícia Interestadual (Polinter) e da Coordenação de Operações Especiais (COE).

Prefeitura Luis Eduardo Magalhães
Prefeitura Porto Seguro

Em Ubatã, PRF recupera uma motocicleta roubada há quase 40 anos

Na última segunda-feira (26), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) recuperou uma motocicleta roubada há quase 40 anos. O incidente...