Governo do Estado da Bahia

Bruno Reis inaugura novo centro de convivência e entrega títulos de propriedade no conjunto Baixa Fria

O conjunto residencial Baixa Fria II, em São Marcos, foi beneficiado com duas ações nas áreas social e de habitação. O prefeito Bruno Reis esteve na localidade, nesta quarta-feira (5), para inaugurar um novo Centro de Convivência Socioassistencial (CCS) voltado para atender crianças e adolescentes de 6 a 17 anos com atividades socioeducativas. Na ocasião, o gestor municipal ainda entregou 128 títulos de propriedade para as famílias que vivem na região, através do programa Casa Legal.

O prefeito ressaltou que a medida resolve carências da comunidade nos campos social e de educação. “Este é o oitavo Centro de Convivência Social Assistencial que a Prefeitura entrega nos últimos anos. Um equipamento que vai ajudar a completar o trabalho que é realizado na área da educação. As crianças da Baixa Fria estudam em escolas municipais, e temos, somente no contraturno, 200 crianças que passarão a ter reforço de matemática, de português, aulas de arte e música. Serão aulas em tempo integral, elas irão estudar um turno de forma regular e no outro turno contarão com todo o apoio sócio assistencial do município. Era praticamente o último equipamento que faltava na comunidade, que já possui habitações de qualidade, unidade de saúde, escola, e agora um CCS”.

Gerido pela Fundação Cidade Mãe (FCM), o CCS Baixa Fria II é a 8ª unidade do tipo a funcionar na capital baiana. O lugar é composto por dois pavimentos, sala para atividades de arte e lazer, refeitório, parquinho e área verde. O espaço tem capacidade de ofertar oficinas de arte, educação e cultura, acompanhamento psicossocial e pedagógico de português e matemática para 200 crianças e adolescentes no contraturno escolar.

Bruno Reis inaugura novo centro de convivencia e entrega titulos de propriedade no conjunto Baixa Fria4
Foto: Carlos Junior / Informe Baiano

O novo centro de convivência atenderá os educandos matriculados em unidades de ensino do entorno, como as escolas municipais Orlando Imbassahy, Syd Porto Brandão, São Marcos, Canabrava e a Escola Comunitária Municipal de Canabrava.

Para a presidente da FCM, Isabela Argolo, garantir o bem-estar do soteropolitano é a maior prova da dedicação e atenção do poder público municipal com seus cidadãos. “Com mais uma unidade inaugurada, garantimos ainda mais oportunidades ao cidadão, oferecendo a crianças e adolescentes mais esperança e outros caminhos para um futuro melhor. Aqui trabalhamos realizando ações que permitam o resgate de sonhos, a construção da cidadania, o empoderamento e levá-los a crer que é possível viver em outra realidade”.

A implantação dos Centros de Convivência Socioassistencial é fruto da política municipal de fortalecimento à proteção básica do público infantojuvenil. Além do CCS Baixa Fria II, a Prefeitura mantém em funcionamento as unidades Monte do Senhor (Jardim das Margaridas), Bariri das Artes (Engenho Velho de Brotas), Cristo é Vida (Chapada do Rio Vermelho), AABB Comunidade (Piatã), Jardim Primavera (Lobato), Periperi e Saramandaia.

Na ocasião, o prefeito autorizou a construção da Praça da Juventude, demanda antiga da comunidade da Baixa Fria. “Aproveitando o momento, iniciaremos ainda uma intervenção, estimada em quase R$900 mil, para recuperar toda a Praça da Juventude de Canabrava. Lembrando que, futuramente aqui, haverá um novo hospital público veterinário”, declarou Reis.

Bruno Reis inaugura novo centro de convivencia e entrega titulos de propriedade no conjunto Baixa Fria3
Foto: Carlos Junior / Informe Baiano

Casa Legal – Por meio do programa Casa Legal, os moradores do residencial Baixa Fria II passam a ter as escrituras dos próprios imóveis registradas em cartório. Em 2021, a Prefeitura entregou 230 títulos no residencial vizinho, o Baixa Fria I.

Bruno Reis lembrou a importância da casa própria e legalizada para o cidadão, em especial aquele oriundo das regiões mais carentes da capital; “É um momento de extrema felicidade poder entregar a escritura definitiva do imóvel a essas famílias. Agora é a certeza de que o imóvel é de vocês, registrado em cartório, e que vai poder passar de mãe para filho, e de filho para neto. É a realização de um sonho”.

Programa Casa legal
Foto: Betto Jr./Secom

Na prática, essa iniciativa permite que áreas urbanas consideradas informais sejam regularizadas e que os locais tenham a possibilidade de receber investimentos de infraestrutura. Com as escrituras, os moradores têm seus imóveis regulamentados, recebendo a garantia de proteção do patrimônio familiar, dos investimentos já feitos, além de valorização.

Transformação – Os habitacionais Baixa Fria I e II foram construídos pela Prefeitura em duas etapas, uma em 2017 e outra em 2020, para abrigar famílias que viviam em condições subumanas e em barracos e casas insalubres. Além dos imóveis, o projeto contemplou a requalificação de todo o entorno do condomínio, nova rede de drenagem, arborização e calçamento das ruas, rede de abastecimento de água e esgotamento sanitário, estação de tratamento de esgoto, criação de passeio, meio-fio, estabilização de taludes e instalação de rede de energia elétrica. O investimento total foi de quase R$30 milhões.

Bruno Reis inaugura novo centro de convivencia e entrega titulos de propriedade no conjunto Baixa Fria
Foto: Betto Jr./Secom

A doméstica Maria de Lourdes Pereira, de 63 anos, conviveu há mais de três décadas com os problemas estruturais da Baixa Fria, e avalia os investimentos que a Prefeitura vem fazendo na região com o objetivo de entregar mais conforto, segurança e qualidade de vida para a população local. “Me sinto feliz e realizada em receber essa escritura, pois é um sonho antigo de todos aqui. Estávamos em uma área de risco, em um ambiente perigoso e sem dignidade. Agora, depende de nós o cuidado e o melhor convívio nesse lugar maravilhoso. É a realização de um sonho que acontece aqui hoje”, afirmou.

Prefeitura Luis Eduardo Magalhães
Prefeitura Municipal de Savaldor

Bahia quer manter freguesia de décadas contra CRB

A última derrota do Tricolor para o time alagoano, foi em 2002, pelo placar de 3 a 1, pelo...