Prefeitura Municipal de Savaldor

Comissão de Agricultura da ALBA vai promover audiência pública sobre projeto de proibição da pulverização aérea

A Comissão de Agricultura e Política Rural da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) realizará no dia 29 de agosto uma audiência pública para debater o projeto de lei que proíbe a pulverização aérea de defensivos agrícolas no estado. A audiência foi aprovada durante reunião do colegiado nesta terça-feira (1º), no retorno dos trabalhos legislativos.

O projeto de lei tramita na Casa, mas enfrenta resistência de alguns parlamentares, incluindo o presidente da Comissão de Agricultura, o deputado estadual Manuel Rocha (União Brasil). Ele destaca que o setor agrícola baiano é responsável por cerca de 30% do Produto Interno Bruto (PIB) do estado, e uma eventual aprovação da proposta poderia acarretar consequências irreparáveis para a economia da Bahia.

“A pulverização aérea já é regulamentada pelos órgãos locais ligados à Agricultura. O Agro representa hoje cerca de 30% do PIB Baiano. O impacto financeiro de um projeto desses seria irreparável para a Bahia, até mesmo por toda a renda que é gerada”, salientou o parlamentar, ao reforçar que irá trabalhar para que o projeto não seja aprovado.

A pulverização aérea é uma importante técnica utilizada na agricultura para combater pragas, doenças e plantas invasoras, garantindo a sanidade das lavouras e a produtividade dos cultivos. O deputado salienta que a prática segue uma rigorosa legislação aprovada e fiscalizada pelos órgãos competentes, visando garantir a segurança dos aplicadores, a proteção ambiental e a qualidade dos produtos agrícolas.

“A pulverização aérea é fundamental para o controle de pragas e doenças, garantindo a qualidade das lavouras e a produtividade dos nossos cultivos. Uma proibição dessa pode afetar diretamente a economia do nosso estado, elevando o desemprego e afetando diretamente a quantidade e qualidade dos produtos aqui produzidos. O que pode acontecer é uma maior fiscalização dos órgãos reguladores nos locais em que a pulverização ocorre”, ressaltou o deputado Manuel Rocha.

Fundação Jose Silveira
Prefeitura Porto Seguro

Quarta morte por dengue é confirmada na Bahia, diz Sesab

A Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) confirmou a quarta morte por dengue no estado nesta segunda-feira (26/02). A...